Notícias

Arte do Dia: Tempestade no Mar da Galileia de Rembrandt

      
Arte do Dia: Tempestade no Mar da Galileia de Rembrandt
Arte do Dia: Tempestade no Mar da Galileia de Rembrandt  |  Fonte: Reprodução

Dica: Clique na imagem para uma versão maior!

tempestade-no-mar-da-galileia
FICHA TÉCNICA - TEMPESTADE NO MAR DA GALILÉIA

Autor: Rembrandt
Onde ver: Obra foi roubada em 1990
Ano: 1633
Técnica: Óleo sobre tela

Rembrandt foi um dos mais produtivos e famosos pintores holandeses da história. Seu estilo de pintura adotado foi o barroco, o que significa quadros ricos em detalhes e exuberância. Diferentemente dos seus contemporâneos, que costumavam se focar em um tipo de pintura específica (retratos, autorretratos, paisagens, cenas históricas, etc.), Rembrandt pintou em todos os gêneros.

O quadro "Tempestade no Mar da Galiléia" é o seu único retrato de uma paisagem, ao mesmo tempo que contém temática bíblica. Nele, Rembrandt ilustra a cena da Bíblia em que Jesus acalma os mares da Galiléia para que ele e os seus discípulos consigam passar.

Infelizmente, a obra está longe dos olhos do público desde 1990, quando ela foi roubada do Museu Isabella Stewart Gardner juntamente com 12 outros trabalhos de grandes pintores, juntas avaliadas em mais de US$500 milhões. Foi o maior roubo de arte da história, assim como o maior roubo de propriedade privada já registrado. O caso ainda deixa autoridades do mundo inteiro perplexas. Até hoje, o museu oferece uma recompensa de US$5 milhões para qualquer um que tenha uma pista que leve à recuperação dos quadros.

Mas é muito improvável que elas ainda estejam todas juntas. De acordo com o FBI, as obras foram vendidas no começo dos anos 2000 na Filadélfia, nos Estados Unidos, o que dificulta ainda mais o trabalho de localizá-las. Apesar de reunir vários suspeitos ao longo dos anos, ninguém nunca foi preso pelo roubo.

O mais estranho da história toda é que, quando o roubo aconteceu, os ladrões poderiam ter levado obras bem mais valiosas do que as treze escolhidas, mas escolheram levar obras menos conhecidas de grandes autores.

O museu ainda mantém as molduras vazias de todos os quadros onde estavam, como uma homenagem às obras roubadas e um símbolo de que estão esperando o seu retorno.

Coloque essa arte na sua vida:

» Biografia do artista
» Todas as obras do artista



Tags:

Aviso de cookies: Nós usamos cookies próprios e de terceiros para melhorar os nossos serviços , para análise estatística e para mostrar publicidade. Se você continuar a navegar considerar a aceitação de seu uso nos termos estabelecidos nos Política de Cookies.