Notícias

5 documentários da Netflix sobre a temática LGBT

      
5 documentários da Netflix sobre a temática LGBT
5 documentários da Netflix sobre a temática LGBT  |  Fonte: Shutterstock

No dia 28 de junho é comemorado o Dia Internacional do Orgulho LGBT – sigla para gays, lésbicas, bissexuais, transexuais e travestis. A data foi instituída em homenagem a um episódio ocorrido em Nova York, em 1969, no qual pessoas que frequentavam o bar Stonewall – local que até hoje é ponto de encontro do público LGBT – reagiram a uma série de batidas policiais, que durou mais de duas noites e deu origem à primeira parada do orgulho LGBT, realizada em 1º de julho de 1970.

Em homenagem ao Dia Internacional do Orgulho LGBT e para colaborar com a conscientização sobre o tema, separamos cinco documentários que estão na Netflix e abordam a temática. Confira:

Confira a série conselhos que amamos e veja mais dicas

Laerte-se

Primeiro documentário brasileiro produzido originalmente pela Netflix, Laerte-se retrata a trajetória da cartunista e chargista Laerte, que assumiu sua transexualide aos 57 anos. O filme acompanha intimamente a investigação de Laerte sobre as descobertas do mundo feminino.

O Círculo (The Circle)

O documentário se passa no início da década de 40 e conta a história do professor Ernst Ostertag, que se apaixona pela estrela Röbi Rapp, uma drag queen. O filme retrata o medo de Ernst em perder seu emprego e fugir dos padrões da época para assumir sua homossexualidade.

Game Face

Quais são os desafios dos atletas LGBT? Abordando a história de de Fallon Fox, primeira transgênero a se tornar lutadora profissional de MMA, e de Terrence Clemens, jogador de basquete universitário e homossexual, o documentário mostra o processo de crescimento dos dois atletas dentro do esporte e os desafios que enfrentam em suas carreiras.

Oriented

O documentário segue a vida de três amigos palestinos homossexuais e sua luta para assumir sua sexualidade em um cenário conservador. Em busca de uma mudança, o trio se une e forma uma resistência não violenta chamada Qambuta (couve-flor) para defender a igualdade sexual e de gênero. O filme aborda ainda o cenário de guerra entre Israel e Palestina ao redor desses jovens.

Crescendo como Coy

Até onde você lutaria para que uma criança tenha direitos iguais às demais? O documentário conta a história de uma família e sua batalha legal para que sua filha, Coy Mathis, transgênera de seis anos de idade, tenha o direito de usar o banheiro das meninas em sua escola. O caso histórico, de 2013, foi o primeiro nos Estados Unidos que obteve decisão favorável para que uma jovem transexual utilize os banheiros que correspondam com a sua identidade de gênero.



Tags:

Aviso de cookies: Nós usamos cookies próprios e de terceiros para melhorar os nossos serviços , para análise estatística e para mostrar publicidade. Se você continuar a navegar considerar a aceitação de seu uso nos termos estabelecidos nos Política de Cookies.