Notícias

As bolsas e auxílios que podem dar uma ajuda na faculdade

      

Você foi aprovado, conseguindo uma vaga na universidade e curso que queria. Começa então uma nova jornada, geralmente envolvendo mudança de cidade ou até mesmo de estado, além de um vasto número de experiências nunca antes vividas. O cenário é empolgante, mas é importante lembrar que muitos gastos também estarão envolvidos.

A manutenção financeira de um estudante do ensino superior pode ser bastante desafiadora. Pensando nisso, algumas instituições oferecem ações para apoiar os alunos. 

Antes mesmo de decidir onde vai iniciar os seus estudos, é importante que o aluno conheça as bolsas e auxílios que podem dar uma ajuda na faculdade.

Como conseguir uma bolsa de iniciação científica

 

A permanência estudantil

As ações que buscam oferecer suporte aos estudantes também são conhecidas como ações em prol da permanência estudantil. Conheça o funcionamento geral da mesma em alguns âmbitos do ensino superior.

Nas estaduais

As universidades públicas estaduais contam com programas já operantes de permanência estudantil. Na Unesp (Universidade Estadual Paulista “Júlio de Mesquita Filho”), a permanência é distribuída em uma série de auxílios: moradia estudantil, auxílio aluguel, restaurante universitário, subsídio para alimentação, auxílio transporte, bolsa de apoio acadêmico e extensão, auxílio estágio e auxílio emergencial. Com base em critérios socioeconômicos, o aluno participa de uma seleção que o torna apto a receber um ou mais auxílios.

Na Universidade de São Paulo, a USP, existem quatro tipos de auxílio de permanência, envolvendo moradia, alimentação, livros e transporte.

Já a Unicamp (Universidade Estadual de Campinas) oferece bolsas similares.   

 Nas federais

As universidades públicas federais também oferecem apoio aos estudantes economicamente vulneráveis. Duas iniciativas do MEC abordam a permanência estudantil. A primeira delas é o PNAES, o Programa Nacional de Assistência Estudantil. Nas palavras do Ministério, a ação “oferece assistência à moradia estudantil, alimentação, transporte, à saúde, inclusão digital, cultura, esporte, creche e apoio pedagógico”. O PNAES se concretiza por meio da destinação de verbas para as instituições, que as distribuem nas áreas descritas.

A outra iniciativa está no Programa Bolsa Permanência ou PBP, auxílio destinado aos alunos em situação econômica mais vulnerável. O PBP prioriza, ainda, estudantes indígenas ou quilombolas.

Nas particulares

Quem estuda em universidades privadas também pode contar com algumas iniciativas de suporte. Programas do MEC como o Fies e o ProUni são importantes elementos da permanência estudantil em faculdades pagas.

Com o Fies, o aluno consegue financiar o valor de seus estudos, obtendo melhores condições para o pagamento de sua graduação. Já o ProUni funciona com bolsas que reduzem o valor das mensalidades (incluindo bolsas integrais, nas quais o estudante não paga pelos estudos). Ambos são aplicados com base na nota do Enem.


Ações de permanência estudantil são muito importantes para a manutenção de alunos com baixa renda no ambiente universitário. Conheça as opções de bolsas e auxílios para escolher melhor.



Tags:

Aviso de cookies: Nós usamos cookies próprios e de terceiros para melhorar os nossos serviços , para análise estatística e para mostrar publicidade. Se você continuar a navegar considerar a aceitação de seu uso nos termos estabelecidos nos Política de Cookies.