Notícias

O que é e como se proteger da febre amarela?

      

Casos recentes de mortes por conta da febre amarela no Estado de São Paulo reacenderam a importância da prevenção contra a doença.

O assunto ganhou a mídia novamente e os índices geraram uma campanha com um fato inédito no Brasil: a vacina foi fracionada em algumas regiões, para imunizar mais gente.

Não fique por fora do cenário que se apresentou no país. Traremos, a seguir, o que é e como se proteger da febre amarela.  

 

Doença tem curta duração e tem gravidade variável

A febre amarela é uma doença infecciosa aguda, transmitida por mosquitos pertencentes às espécies Aedes aegyptie Haemagogusinfectados por um arbovírus do gênero flavivírus.

A doença é de curta duração, no máximo dez dias, e tem gravidade variável, mas letalidade em torno de 40%, 50% dos casos.

Os sintomas são: febre, dor de cabeça, calafrios, náuseas, vômito e dores no corpo.

 

Em casos mais graves

Nos casos mais graves, há hemorragias, os olhos e a pele ficam amarelos. A única forma de prevenção é a vacinação, administrada em dose única a partir dos 9 meses de idade.

Importante saber: a imunização deve ser feita 10 dias antes de viagens para áreas de risco de transmissão da doença. A vacina é gratuita e está disponível nos postos de saúde de sua cidade.

 

O macaco não transmite a febre amarela

Para entender melhor é preciso saber que existe a febre amarela silvestre e urbana. A primeira, a que temos atualmente no Brasil, tem como vetores os mosquitos dos gêneros Haemagoguse Sabethes. Seus principais hospedeiros são os macacos – especialmente os bugios.

Entretanto, vale destacar que o macaco não transmite a febre amarela. Se um mosquito pica um macaco doente, torna-se capaz de transmitir a doença a um ser humano. Por isso, não se deve matar o animal, pois a ação, além de ser crime ambiental, será totalmente em vão.

 

Febre amarela urbana tem Aedes aegypti

como vetor

Os casos em humanos ocorrem quando uma pessoa não vacinada percorre uma área silvestre e acaba sendo picada por um mosquito contaminado. A febre amarela urbana, por outro lado, tem como vetor o Aedes aegyptie como hospedeiro o homem.

 

Evite água parada

A transmissãourbanada febre amarela só ocorre se alguém for picado pelo mosquito Aedes aegypti, que se prolifera principalmente através da água parada. Portanto, faça a sua parte: não deixe caixas d'água, latas e pneus contendo água. Procure tapar esses recipientes e limpá-los constantemente.

 

*

Aqui vão alguns links governamentais importantes sobre a febre amarela:

Quais são os postos de vacinação em São Paulo

Mitos e verdades sobre a febre amarela (Governo Federal)



Tags:

Aviso de cookies: Nós usamos cookies próprios e de terceiros para melhorar os nossos serviços , para análise estatística e para mostrar publicidade. Se você continuar a navegar considerar a aceitação de seu uso nos termos estabelecidos nos Política de Cookies.