Aviso de cookies

Por meio de cookies próprios e de terceiros, coletamos informações para fornecer melhores serviços a todos os usuários. Compilamos informações estatísticas sobre a sua navegação para mostrar uma publicidade que tenha relevância com seus hábitos de navegação. Sempre que quiser, poderá desativar os cookies do seu browser. Se continuar navegando, consideramos que aceita os termos da política de utilização de cookies.

text.compare.title

text.compare.empty.header

Notícias

 
Antes de se matricular para um curso de graduação é bom você saber se ele é autorizado ou reconhecido pelo MEC (Ministério da Educação). Para entender esta diferença e o que isto pode afetar você, é preciso conhecer a dinâmica da criação de um curso:

  1. Toda IES (instituição de ensino superior) precisa, em primeiro lugar, ser credenciada pelo MEC. Sem este credenciamento, ela não existe de forma legal e não pode emitir diplomas.ÿ
  2. Estando credenciada, ela tem liberdade para criar cursos novos, bastando para isto pedir uma autorização para o MEC.
  3. Com esta autorização, a IES pode abrir um processo seletivo e criar turmas para esta nova graduação. Por exemplo, uma universidade que não tinha o curso de Direito, pode passar a oferecê-lo mediante autorização.
  4. Depois de iniciado o curso, a instituição deverá pedir o reconhecimento do mesmo para o MEC. Isto deve acontecer no segundo ano de funcionamento para cursos com duração de quatro anos e a partir do terceiro ano para aqueles cuja duração for superior a quatro anos.
  5. Uma comissão do Inep (Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais) visita as instalações, avalia a relação de docentes, grade curricular, laboratórios e demais aspectos relacionados ao curso e emite um parecer sobre a qualidade do que está sendo oferecido. Será com base neste levantamento que os técnicos do MEC irão reconhecer, solicitar ajustes ou negar o reconhecimento do curso.
  6. O MEC nega o reconhecimento de cursos que não cumprem as exigências estipuladas ou não apresentam qualidade nos quesitos avaliados. Neste caso, o curso é fechado e os alunos são transferidos para outra instituição para terminarem seus estudos.ÿ

Você tem direito de saber
A instituição é obrigada, por lei, a informar qual o status dos cursos que oferece e, nos casos em que o curso está em processo de reconhecimento, como está o andamento do pedido. No site do MEC é possível conferir uma lista de cursos autorizados e reconhecidos nos últimos anos mas a busca ainda não é muito amigável (você precisa entrar ano por ano para localizar sua instituição). O melhor e mais confiável é entrar em contato por telefone com o Núcleo de Informações da SESu (Secretaria de Educação Superior) pelos telefones 0800 61 61 61 ou (0xx61) 410-9770 / 9771/ 9772 / 9773 / 9774. Você também pode encaminhar suas dúvidas pelo e-mail: nies@mec.gov.br. São estas também as formas para encaminhar denúncias e reclamações.
E fique atento: se o prazo previsto para o reconhecimento da graduação que você está cursando já foi vencido e a instituição ainda não tomou nenhuma providência, comunique imediatamente a SESu.

  • Fonte:


Tags:
Comentar

Comentários

    Ver mais 20 resultados

    Comente

    Ver mais