Wednesday :: 23 / 04 / 2014

Mais Notícias | Erros inglês | Arte por dia | 700 cursos | Livros grátis | Cadastre-se | MAPA DO SITE

Noticia

Bilhetagem eletrônica cadastra estudantes


Imprimir Imprimir Enviar a un amigo Enviar PDF PDF Traducir Traducir

O cadastramento dos estudantes que passarão a usar o cartão da bilhetagem eletrônica no lugar do passe escolar começa no dia 3 de janeiro de 2005, nos seis postos autorizados do Sindicato das Empresas de Transporte de Passageiros do Espírito Santo (Setpes).

Os estudantes que usam os ônibus da rede municipal de Vitória, onde foi implantada a bilhetagem eletrônica, trocarão o passe escolar de papel pelo cartão magnético. Eles receberão o cartão cinco dias após a entrega do formulário preenchido em um dos postos do Setpes.

No dia 3 de janeiro também começa o cadastramento para os estudantes que continuarão a receber a cartela de passe escolar em papel, que são os usuários do sistema Transcol e das redes municipais onde a bilhetagem ainda não foi implantada.

Créditos. O primeiro cartão será entregue gratuitamente e o estudante só pagará pelos créditos inseridos. Cada crédito custa o valor atual da tarifa para circular nos ônibus municipais de Vitória - R$ 1,45, com 50% de desconto para os estudantes.

O cartão magnético terá a foto do aluno. Ao contrário do que acontece com o trabalhador, além de passar o cartão no validador, o estudante terá que aguardar o trocador checar a foto e apertar um acionador para liberar a catraca.

A medida é para evitar que outras pessoas, que não os estudantes, usem o cartão magnético que garante o direito de pagar a tarifa com 50% de desconto. "A liberação da catraca será feita de forma rápida, sem causar transtornos", salientou o secretário do Setpes, Haroldo Zen.

Os primeiros a se cadastrarem para receber o cartão magnético devem ser os alunos da Universidade Federal do Espírito Santo (Ufes). Mas, no próximo ano, estudantes de educação infantil (até sete anos) e de cursos de pós-graduação do Estado também terão o direito ao benefício de pagar meia tarifa.

Os estudantes só poderão comprar o cartão magnético ou a cartela de passe escolar depois que a instituição de ensino, autorizada a funcionar pelos órgãos de educação competentes, se cadastrar no Setpes.

As escolas entregarão a ficha de cadastro para o estudante, que terá que preenchê-la e entregá-la num dos postos do Setpes, que venderá o cartão ou a cartela de passe.

A população, bem como as escolas interessadas, podem tirar dúvidas ou conseguir informações adicionais sobre o cadastramento dos estudantes pelo telefone de contato com o Setpes, que é (27) 3334-6602.

Meia passagem
Direito. Só terá acesso à meia passagem o aluno que estudar em escolas cadastradas pelo Conselho Estadual de Educação ou pelo MEC, no caso de faculdades. As instituições precisam ser cadastradas no Setpes

Cadastro. As escolas devem retirar, no Setpes, a folha de cadastro e entregá-la ao aluno para ser preenchida.

Postos. A folha de cadastro preenchida deve ser entregue em um dos postos autorizados do Setpes: Rodoviária de Vitória; Ufes; terminais do Transcol em Itacibá, Campo Grande, Laranjeiras, Vila Velha e Ibes.

Documentos. Apresentar uma foto recente 3x4, frontal, sem rasuras ou com marcas de grampeador ou carimbos, a certidão de nascimento ou a carteira de identidade do estudante, e um comprovante de residência (pode ser cópia ou original).

Carteira. Com a carteira de estudante, poderá ser comprada a cartela de passe, para andar no Transcol, ou o cartão magnético, para ônibus municipais de Vitória.

Fonte: A Gazeta







RSS   


Comentarios para esta noticia

 

Publicidad

Publicidad