Aviso de cookies

Por meio de cookies próprios e de terceiros, coletamos informações para fornecer melhores serviços a todos os usuários. Compilamos informações estatísticas sobre a sua navegação para mostrar uma publicidade que tenha relevância com seus hábitos de navegação. Sempre que quiser, poderá desativar os cookies do seu browser. Se continuar navegando, consideramos que aceita os termos da política de utilização de cookies.

text.compare.title

text.compare.empty.header

Notícias

 
ÿ1. Freqüente muito as festas e eventos da faculdade. ? fora da sala de aula que você interage de verdade com os colegas

ÿ2. Fique ligado na galera que curte música e já tem banda

ÿ3. Vá a todos os shows de música independente, dentro e fora da universidade

ÿ4. Junte-se a quem você tem afinidade. A banda é como se fosse uma família. Não adianta forçar a barra com gente que não tem nada a ver com você

5. Ensaie no mínimo uma vez por semana

6. Para evitar dores de cabeça, registre o nome de sua banda (procure o INPI www.inpi.org.br) e as músicas de sua autoria (no Escritório de Direito Autoral da Fundação Biblioteca Nacional - www.bn.br)

7. Só publique um site da banda na Internet e disponibilize MP3 depois que já tiverem ensaiado muito. Se for precipitado, vai ser fácil queimar o filme

ÿ8. Trabalhe a presença de palco. Não adianta ser só talentoso, é preciso ter uma boa performance e pensar em um estilo para os músicos

ÿ9. Depois da banda estruturada, use e abuse de tudo o que a Internet proporciona: monte uma comunidade da banda no Orkut, entre em fóruns de discussão sobre música, conheça as bandas da cena independente, faça uma homepage no site Trama Virtual (www.tramavirtual.com.br) e no BDG (bandas de garagem - bandasdegaragem.uol.com.br), do UOL

ÿ10. Não desista de estudar

ÿ11. Não desencane da música. Corra atrás

  • Fonte:


Tags:
Comentar

Comentários

    Ver mais 20 resultados

    Comente

    Ver mais