Thursday :: 23 / 10 / 2014

TambémNotícias | Arte por dia | Enem 2014 | Livros grátis | Cadastre-se | MAPA DO SITE

Noticia

Educação Física ganha a cada dia mais destaque


ImprimirImprimirEnviar a un amigo EnviarPDFPDF

Cuidados com a saúde, o corpo e a estética são o que, geralmente, levam uma pessoa a procurar um profissional de Educação Física. Nesse sentido, o doutor Kenneth Cooper é o grande responsável. Nos anos 70, ele descobriu que as práticas ãróbicas faziam muito bem à saúde. E desde então, segundos coordenadores de cursos de Educação Física no Distrito Federal, a procura pelos profissionais da área só cresce. E na capital federal, a preocupação com esses hábitos parece ser maior. Afinal, Brasília está em segundo lugar no mercado de academias, de acordo com dados do coordenador do curso de Educação Física da Universidade Católica de Brasília (UCB), Mileno Tonisse.

Para ele, isso faz com que o mercado de trabalho na capital do País seja bom. "Hoje em dia, há uma crescente conscientização sobre a necessidade do exercício físico e isso faz com que a área de atuação do profissional aumente", completa Tonisse. A coordenadora de graduação do curso de Educação Física oferecido pela Universidade de Brasília (UnB), Dulce Suassuna, concorda com a opinião de Mileno Tonisse. "A procura é crescente e isso se dá pela maior preocupação com a saúde e o corpo. A possibilidade pedagógica do curso aparece como uma maneira de intervir na sociedade", destaca.

O profissional pode atuar em hotéis (na parte de recreação), promoção de saúde, equipes de treinamento de modalidades esportivas, escolinhas de iniciação esportiva, personal trainner, clubes, hospitais e clínicas.

Semestralmente, apenas a UnB forma 28 profissionais em Educação Física. E a preocupação com o mercado de trabalho, apesar da ampla área de atuação, é muito grande. Segundo a coordenadora da UnB, o campo mais atrativo ainda é a de educação em escolas, pois a maioria dos recém-formados faz o curso para ser professor. "A área de atuação é muito boa e só tem a crescer", completa Mileno Tonisse.

O salário inicial para recém-graduados, segundo o coordenador da UCB, é em torno de R$ 1 mil. "Mas para quem já tem especialização, mestrado e doutorado este valor chega a triplicar", afirma Tonisse. As especializações em natação, fitness, fisiologia e musculação são as mais procuradas.

Atividade prazerosa

Procurar fazer uma atividade de que goste e conseguir ingressar logo no mercado de trabalho são questões que motivam muitas pessoas a escolher Educação Física. Segundo os formandos, o curso oferece uma atividade prazerosa e boas chances de conseguir um emprego.

Para a atleta Angélica Gama, 24 anos, formada pela UnB, o curso além de permitir a oportunidade rápida de ingressar no mercado de trabalho, oferece muito conhecimento sobre saúde, bem-estar, esporte e é muito divertido. Angélica trabalha na Secretaria de Esporte e tenta retomar um projeto voltado para pessoas carentes.

Segundo ela, a formação permite que o profissional atue de maneira influente na sociedade. Para Angélica, a área necessita de profissionais qualificados. "Há um espaço muito amplo, pois é preciso trabalhar com pessoas diabéticas, obesas e crianças", enumera.

O estudante Gabriel Gomes, 24 anos, concorda com Angélica. Para ele, o profissional não sofre por falta de emprego. "Sempre tem uma academia precisando e há um vasto campo de atuação". O estudante iniciou o curso na UnB em 2001, interessado em trabalhar com deficientes. "Atualmente, penso também em Educação Infantil", ressalta.

Onde estudar

- Universidade de Brasília (UnB)
A duração média do curso, que funciona desde 1972, é de quatro anos.
Mais informações: www.unb.br ou 3307-2695

- Universidade Católica de Brasília (UCB)
O curso foi reconhecido em 1979 e também tem duração de quatro anos.
Mensalidade: R$ 837,36 (24 créditos) ou R$ 418,68 (mínimo de 12 créditos)
Mais informações: www.ucb.br ou 3356-9000

- Universidade Paulista (Unip)
Aberto desde 1997, tem duração de quatro anos.
Mensalidade: R$ 897,71. Calouros têm desconto e o valor fica R$ 597,87.
Mais informações: www.unip.br ou 3345-9188

- UniCeub
A primeira turma iniciará em agosto. São três anos para licenciatura e quatro para bacharelado.
Mensalidade: R$ 830
Mais informações: www.uniceub.br

- Centro Universitário Unieuro
O curso tem duração de oito semestres.
Mensalidade: R$ 742
Mais informações: www.unieuro.edu.br ou 3445-5888

- Faculdade Alvorada
O curso de licenciatura funciona desde 2004 (mínimo de quatro anos e máximo de sete anos).
Mensalidade: R$ 789,77
Mais informações: www.alvorada.com.br ou 3273-6181







RSS   


Comentarios para esta noticia

 

Publicidad

Publicidad