Friday :: 01 / 08 / 2014

MaisNotícias | Arte por dia | Enem 2014 | Livros grátis | Cadastre-se | MAPA DO SITE

Noticia

Gama Filho faz greve por causa de crise financeira


ImprimirImprimirEnviar a un amigo EnviarPDFPDF

A Universidade Gama Filho vai suspender suas atividades hoje e amanhã. A instituição passa por uma crise financeira e atrasou o pagamento dos salários. Na semana passada, a universidade anunciou que fará cortes de despesas nas áreas de marketing, cultura e esporte, além da reduzir a carga horária de alguns cursos. Hoje, às 12h, haverá ato público em frente à Igreja da Candelária.

O Centro Universitário Bennett também sofre uma crise financeira e parte dos professores está em greve há 15 dias. Os salários de novembro e dezembro de 2005, além do de abril deste ano e de metade do de março, não foram pagos. A faculdade está negociando empréstimos com bancos para saldar a dívida com os funcionários, segundo informou o seu departamento de marketing.

Na rede pública, os professores da Universidade do Estado do Rio de Janeiro (Uerj) darão entrada, hoje, num processo administrativo para tentar garantir o recebimento dos salários. O ponto dos funcionários, em greve desde o dia 3 de abril, foi cortado por determinação do governo. Ainda não foram decididas as novas datas para o vestibular 2007, suspenso pelo conselho Superior de Ensino, Pesquisa e Extensão.

Já o Colégio Pedro II e o Cefet-Química estão parados desde segunda-feira, acompanhando uma greve nacional de escolas federais de ensino básico e profissionalizante.







RSS   


Comentarios para esta noticia

 

Publicidad

Publicidad