• Quem é você?

Notícias

3 maneiras de renovar as idéias no ambiente de trabalho

      
(Crédito: Divulgação)
(Crédito: Divulgação)

 

A vida profissional está cada vez mais corrida. É difícil encontrar uma pausa para discutir estratégias ou apresentar novas idéias. Em muitas empresas, o ambiente de trabalho é como um carro andando por uma cidade sem trânsito: faz pequenas pausas para reflexão (como os carros no semáforo vermelho), porém está andando na maioria do tempo está em movimento e não tem tempo para escutar os colegas (ou carros e pedestres) que circulam ao redor.

 

 

» 10 dicas para sobreviver à pressão do trabalho
» 6 coisas que podem distrair você no trabalho
» Os 14 ensinamentos do livro "A Arte da Guerra" aplicados no trabalho

 

No ambiente de trabalho atual, até mesmo as grandes e importantes reuniões estão sendo substituídas por ligações, conferência e conversas informais. O tempo no mundo dos negócios pode ser uma das coisas mais valorizadas pelos profissionais atualmente.

 

Confira algumas dicas para ajudar na hora de apresentar novas idéias aos colegas de trabalho:

 

Dispare as idéias

Não perca tempo esperando que todos te escutem para dar novas idéias. Durante o expediente, dispare sempre novas idéias e sobrecarregue seus colegas com opiniões relevantes. Quanto maior a insistência, maior a chance de que suas idéias sejam avaliadas pelo resto dos profissionais que trabalham na empresa.

 

Seja amigo de todos

A amizade no trabalho é uma das armas mais poderosas na hora de conseguir atenção ou pedir um favor. Apesar de ser uma importante maneira de divulgar suas idéias, muitas vezes elas podem ser aceitas através do critério amizade e não pela qualidade do projeto.

 

Faça intervenções

Se durante uma reunião ou uma discussão de projetos você tiver uma idéia ou lembrar de uma maneira eficiente de solucionar a questão, intervenha e mostre seu ponto de vista. Procure maneiras educadas de interromper uma conversa. Uma boa dica é usar termos do tipo “boa idéia, porém poderíamos...” e “também seria importante tentar...” ao invés de expressões diretas como “eu discordo”, “mas” e “não”. Não fique com medo de parecer chato e lembre-se: o objetivo não é falar sem parar, e sim ser ouvido.

 



Tags:

Aviso de cookies: Nós usamos cookies próprios e de terceiros para melhorar os nossos serviços , para análise estatística e para mostrar publicidade. Se você continuar a navegar considerar a aceitação de seu uso nos termos estabelecidos nos Política de Cookies.