Notícias

Bengala para cegos tem sistema inspirado nos morcegos

      
(Crédito: Karin Hildebrand Lau/Shutterstock.com)
(Crédito: Karin Hildebrand Lau/Shutterstock.com)

 

Engenheiros da Universidade de Leeds, no Reino Unido, se inspiraram no sistema de localização dos morcegos para criar uma nova bengala eletrônica que ajuda cegos e deficientes visuais a detectar obstáculos, o que lhes dá mais autonomia ao se locomover.

 

» Próteses de retina podem reverter a cegueira
» Cientistas transformam olho castanho em azul
» Óculos podem fazer com que cegos vejam através do ouvido

 

Por meio de dois transmissores, o aparelho emite sinais ultra-sonoros, fazendo com que dois pontos localizados no punho começem a vibrar quando existe algum obstáculo nas proximidades. Com isso, a bengala permite que as pessoas que não conseguem ver tenham uma ideia do que está ao seu redor.

 

A tecnologia foi desenvolvida na Escola de Processos, Materiais e Engenharia Ambiental da Universidade de Leeds, por um grupo multidisciplinar dirigido pelo professor Brian Hoyle.

 

As ondas de ultra-som são tão intensas que o ouvido humano não poderia captá-las sem haver danos. Essas ondas rebatem em qualquer lugar, desde folhas presas em um galho a roupas e, principalmente, materiais duros.

 

As ondas têm dois tipos de alcance: 2 ou 4 metros. A bengala ainda está em fase de testes, já que quando as duas distâncias são ativadas ao mesmo tempo, seus sinais causam interferência.



Tags:

Aviso de cookies: Nós usamos cookies próprios e de terceiros para melhorar os nossos serviços , para análise estatística e para mostrar publicidade. Se você continuar a navegar considerar a aceitação de seu uso nos termos estabelecidos nos Política de Cookies.