Notícias

Escritora Jane Austen pode ter morrido envenenada

      
(Crédito: Wikipédia/Divulgação)
(Crédito: Wikipédia/Divulgação)

 

A escritora inglesa Jane Austen pode ter sido morta por envenenamento, segundo uma investigação feita pela autora Lindsay Ashford. De acordo com Lindsay, a pista surgiu de uma carta redigida pela escritora algumas semanas antes de morrer.

 

» 13 livros de Fernando Pessoa para download gratuito
» Pesquisa revela que Cleópatra usava maquiagem antibacteriana
» 50 livros clássicos em português para download grátis

 

Na carta, Jane afirmava estar doente, porém com manchas de várias cores espalhadas pela pele. Estas manchas são comuns em pessoas que recebem doses pequenas e constantes de arsênico.

 

A teoria ficou ainda mais evidente depois que foi analisada uma mecha de cabelo de Jane leiloada depois de sua morte, onde foi constatada a presença do veneno, que poderia ter sido ingerido alguns meses antes de morrer.

 

Anteriormente, os médicos acreditavam que a causa da morte da escritora tinha sido a Doença de Addison, um raro transtorno na glândula adrenal. A escritora também foi diagnosticada com Linfoma de Hodgkin, Lúpus, Tifo Epidêmico e até mesmo Tuberculose.

 

De acordo com Ashford, uma das causas pelo envenenamento por arsênico pode ter sido o uso de alguns remédios antigos que continham a substância, porém não foi descartada a hipótese de que Jane Austen possa ter sido envenenada intencionalmente.

 

Ashford, que investiga o caso há bastante tempo e está lançando o livro "The Mysterious Death of Miss Austen" (A Misteriosa Morte da Senhorita Austen), afirma que a família de Jane é suspeita de assassinato, pois comportamentos estranhos de seus parentes foram detectados logo após a morte. Ainda de acordo com Ashford, seu corpo pode ser exumado nos próximos dias para que sejam feitos testes modernos nos seus ossos.

 

A escritora nasceu no Reino Unido em 1775 e morreu em 1817, aos 41 anos. Jane ficou famosa por usar ironia para descrever os personagens de seus romances. Entre as obras mais conhecidas estão Emma, Persuasão e Orgulho e Preconceito.

 

 



Tags:

Aviso de cookies: Nós usamos cookies próprios e de terceiros para melhorar os nossos serviços , para análise estatística e para mostrar publicidade. Se você continuar a navegar considerar a aceitação de seu uso nos termos estabelecidos nos Política de Cookies.