Aviso de cookies

Por meio de cookies próprios e de terceiros, coletamos informações para fornecer melhores serviços a todos os usuários. Compilamos informações estatísticas sobre a sua navegação para mostrar uma publicidade que tenha relevância com seus hábitos de navegação. Sempre que quiser, poderá desativar os cookies do seu browser. Se continuar navegando, consideramos que aceita os termos da política de utilização de cookies.

text.compare.title

text.compare.empty.header

Atualidade universitária

(Crédito: lznogood / Shutterstock.com)

 

Escrever uma carta de apresentação pode ser uma tarefa difícil. No entanto, seguindo as 3 dicas selecionadas pela especialista em Recursos Humanos Alison Doyle, em breve você vai ser um especialista em escrever carta de apresentação para enviar com o seu currículo.

 

» Como o Twitter pode resumir o seu currículo
» 8 fatores importantes que não podem ser vistos pelo currículo
» Saiba como escolher a atividade complementar certa para seu currículo

 

A carta de apresentação normalmente acompanha cada currículo que você envia. Segundo a especialista, sua carta de apresentação pode fazer toda a diferença na hora de conseguir uma boa entrevista de emprego.

 

Para ela, a carta deve ser um complemento do seu currículo. Seu principal objetivo é interpretar os dados do currículo de maneira simples e adicionar um toque pessoal. A carta é muitas vezes o seu primeiro contato escrito com o empregador em potencial.

 

Existem três tipos de cartas de apresentação: A carta de candidatura, que responde a uma vaga de emprego. A carta de prospecção, que indaga sobre posições possíveis. E também a carta de informação e assistência.

 

Sua carta de apresentação deve ser projetada especificamente para cada finalidade descrita acima, bem como para cada posição que você procura. Elas devem expressar um alto nível de interesse e conhecimento sobre a posição.

 

 



Tags:
Comentar

Comentários

    Ver mais 20 resultados

    Comente

    Ver mais