Notícias

6 dicas para discutir política com seus amigos

      
(Crédito: Shutterstock.com)
(Crédito: Shutterstock.com)

 

Estamos em ano de eleições municipais e isso significa que, provavelmente, você e seus amigos vão discutir sobre política. Como ninguém pensa de maneira igual, é provável que você acabe discordando com um colega. Por uma besteira, você pode criar uma briga sem sentido. Portanto, siga essas dicas e evite atritos desnecessários.

 

» Geopolítica e liderança de cara com 2012
» II Fórum pela Inovação Universia Brasil discute limites institucionais e políticas governamentais
» Redação da Fuvest tem política como tema

 

Confira 6 dicas para discutir política com seus amigos:

 

 

Como discutir política com os amigos - 1. Não tente mudar a opinião do seu amigo

Grande parte das brigas que acontecem com os amigos nesse tipo de situação ocorre porque um quer mudar a opinião do outro. A discussão começa calma, porém termina com um ofendendo o outro. Por isso, deixe-o acreditar no que ele quiser. Não tente mudá-lo. Entenda que cada um tem uma opinião diferente de acordo com o que passou na vida. Em vez de focar em "por que meu amigo não vota no mesmo que eu?", concentre-se em "eu quero entender o que meu amigo pensa". Tente compreendê-lo mesmo que você não concorde. Imagine se todos pensassem da mesma forma? Ninguém aprenderia. O aprendizado e a maturidade vêm da diferença.

 

 

Como discutir política com os amigos - 2. Fatos e contextos

Uma das coisas mais frustrantes sobre discutir política é que as pessoas, não importa de qual lado estejam, dificilmente têm noção dos fatos. Nem sempre a culpa é deles. A mídia, em geral, foca em aspectos ínfimos sobre a candidatura de um político e não passa um panorama geral aos espectadores. Resultado: as discussões são sempre baseadas nos mesmos argumentos com pouca sustentação teórica ou prática. Outro resultado: quem quiser entender realmente o que se passa no cenário político nacional não pode se basear apenas nos grandes meios, mas analisar bem as propostas de cada candidato (averigue até se eles têm propotas concretas!) e ler livros ou textos mais acadêmicos, de pessoas que estudaram anos alguém ou uma situação. Quando você estiver discutindo, atenha-se aos fatos e se seu amigo entender você equivocadamente, explique-se calmamente. Se, mesmo assim, eles não compreenderem, esqueça. Pelo menos, você sabe os fatos.

 

 

Como discutir política com os amigos - 3. Não julgue seu amigo

Se estamos falando do seu amigo, é natural que você tenha diversas coisas em comum. Depois de alguns anos de intensa convivência, é estranho perceber que vocês discordam tanto quanto a assuntos morais, políticos ou religiosos. Não faça disso um drama. De fato, escolhemos amigos porque eles são semelhantes a nós, mas não se pode esperar que ele concorde com tudo o que você pensa. Deixe seu amigo falar e não fique chateado de escutar opiniões diferentes. Não vale a pena perder um amigo por causa disso.

 

 

Como discutir política com os amigos - 4. Evite o assunto

Amigos deveriam poder discutir sobre qualquer assunto, porque, como já dito, mesmo discordando, podemos aprender. Entretanto, às vezes, vocês são tão irredutíveis que nem escutam o que o outro tem para dizer. Foque sua amizade em outros aspectos. Se a maioria das coisas na qual sua amizade é baseada é positiva, pense nelas em vez de tentar chegar a um denominador comum quando o assunto é política.

 

 

Como discutir política com os amigos - 5. Concorde discordando

Não adianta, haverá uma hora em que você terá que escutar seu amigo. Mantenha a calma, faça com a cabeça que "sim", mesmo que não concorde com nada do que ele esteja falando. É necessário que vocês sejam civilizados para que a conversa mantenha o nível. Tenha a paciência de escutar e, quando a discussão estiver muito acalorada, saiba a hora de mudar de assunto.

 

 

Como discutir política com os amigos - 6. Cuidado com o Facebook

O Facebook revolucionou o modo como nos comunicamos com nossos amigos e, às vezes, isso não é bom. Principalmente quando seu amigo fica postando diariamente opiniões com as quais você não concorda - o que está no direito dele. É inevitável que isso afaste você do seu amigo. Amizades podem acabar, sim, por meio das redes sociais, porque você pode achar que ele está bombardeando você com mensagens contrárias quando, na verdade, ele está apenas se expressando. Não leve as postagens dele tão a sério. Lembre-se que não vale a pena perder um amigo por causa de política. Pense que ele não votar no mesmo partido que você é uma questão semelhante a dele gostar de brócolis e você não. É uma opinião, apenas isso.

 

 



Tags:

Aviso de cookies: Nós usamos cookies próprios e de terceiros para melhorar os nossos serviços , para análise estatística e para mostrar publicidade. Se você continuar a navegar considerar a aceitação de seu uso nos termos estabelecidos nos Política de Cookies.