Notícias

Correção da redação do Enem 2012 será mais objetiva, promete ministro

      

 

O ministro da Educação, Aloizio Mercadante, afirmou que o Ministério da Educação (MEC) estuda a criação de parâmetros mais objetivos para a correção da redação dos candidatos do Enem (Exame Nacional do Ensino Médio) de 2012. De acordo com o ministro, a ideia é ter um rigor maior ao avaliar a nota da redação.

 

» Todas as notícias do Enem 2012
» Arte deve cair no Enem 2012
» O que falta é repertório, diz professor sobre redação do Enem 2012

 

Durante evento no Rio de Janeiro, Mercadante explicou que o MEC está trabalhando fortemente para construir uma matriz de correção bastante segura com relação à objetividade, já que todo texto apresenta subjetividade. “Vamos aumentar o rigor da correção para dar objetividade, critérios bem definidos e bastante segurança ao aluno”, ressaltou o ministro.

 

Os novos critérios já serão usados na correção da próxima edição do Enem, que será realizada em outubro ou novembro. Segundo o ministro todas as alternativas estão sendo discutidas partindo das experiências internacionais, com o objetivo de criar uma metodologia que seja bastante objetiva com relação aos critérios. “Para que o aluno saiba quais são os critérios de correção da prova e possa ter segurança na redação que ele vai fazer”, disse Mercadante.

 

Além disso, o Ministro deixou claro que essa redefinição de critérios é importante para que quando exista divergência entre os avaliadores a arbitragem seja eficiente.

 

 



Tags:

Aviso de cookies: Nós usamos cookies próprios e de terceiros para melhorar os nossos serviços , para análise estatística e para mostrar publicidade. Se você continuar a navegar considerar a aceitação de seu uso nos termos estabelecidos nos Política de Cookies.