Aviso de cookies

Por meio de cookies próprios e de terceiros, coletamos informações para fornecer melhores serviços a todos os usuários. Compilamos informações estatísticas sobre a sua navegação para mostrar uma publicidade que tenha relevância com seus hábitos de navegação. Sempre que quiser, poderá desativar os cookies do seu browser. Se continuar navegando, consideramos que aceita os termos da política de utilização de cookies.

text.compare.title

text.compare.empty.header

Notícias

 
Crédito: Shutterstock.com

 

De Onde Viemos? O Que Somos? Para Onde Vamos?, de Paul Gauguin, é a 116ª obra homenageada pelo projeto Um Pouco de Arte para sua Vida. O friso enorme e com cores exóticas é, possivelmente, a obra mais ambiciosa do artista.



 

 

» Confira a lista de todas as obras de arte

» Sobre o projeto "Um pouco de arte para sua vida"

 

O cenário da pintura é o Taiti, lugar no qual o pintor passou a maior parte de seus últimos dez anos. Os corpos sólidos e sensuais que aparecem na pintura, assim como as formas sinuosas das árvores e o colorido intenso, evocam o paraíso tropical, parte real e parte imaginário, que o inspirou.

 

A obra conta uma história, assim como várias outras de Gauguin. As figuras nos planos mais próximos representam o ciclo de vida, refletindo as questões propostas pelo pintor no título de sua obra. O ciclo se inicia na direita, com um bebê dormindo, e termina na extrema esquerda, com uma mulher velha e uma ave.

 

A obra deixa evidente o hábito do pintor em utilizar as cores saturadas e figuras ousadas, com contornos nítidos, para criar uma composição quase abstrata. A cor cria um poderoso impacto com seus contrastes entre o verde e o azul das matas e o amarelo dos corpos. Além disso, a cor tem, também, uma função decorativa e sensual.

 

A pintura era considerada pelo autor o ponto culminante de sua obra, na qual ele demonstra o uso radical da cor e da forma que o tornou tão influente.

 

 

5 detalhes de De Onde Viemos? O Que Somos? Para Onde Vamos? se destacam:

1. Bebê adormecido:

O bebê dormindo aparece no canto direito da tela, seguindo a convenção oriental de leitura. A criança representa o início do ciclo da vida.

 

 

2. Fruta colhida:

Enchendo a altura da tela encontra-se um jovem que se estica para colher uma fruta. Esse é o ponto focal da pintura. A forma de seu corpo é delineada em preto e os tons brilhantes de sua pele são realçados pelo fundo predominantemente azul e verde.

 

 

3. Divindade:

A figura em azul, imaterial e baseada em relevos polinésios, indica o mundo do além. Ela também aparece em outras obras do artista, devido ao seu choque com a distruição pelos missionários cristãos de arte sacra nativa no Taiti.

 

 

4. Título:

Perto do fim de sua vida, Gauguin passou a intitular suas obras com perguntas. O artista respondeu às próprias perguntas dizendo que somos uma existência mundana e que vamos para junto da morte.

 

 

5. Velha:

Sentada próxima a uma bela jovem encontra-se uma mulher velha e de pele escura. Ela se agacha na sombra, como se estivesse esperando pelo fim da vida. A ave branca parada ao seu redor pode ser uma representação da fase final e desconhecida que se segue a morte.

 

De Onde Viemos? O Que Somos? Para Onde Vamos?

 

 

Ficha Técnica - De Onde Viemos? O Que Somos? Para Onde Vamos?:


Autor: Paul Gauguin
Onde ver: Museum of Fine Arts, Boston, EUA
Ano: 1897 - 98
Técnica: Óleo sobre tela
Tamanho: 139,1cm x 374,6cm
Movimento: Pós-Impressionismo

 

 



Tags:
Comentar

Comentários

    Ver mais 20 resultados

    Comente

    Ver mais