Sunday :: 23 / 11 / 2014

MaisNotícias | Arte por dia | Enem 2014 | Livros grátis | Cadastre-se | MAPA DO SITE

Noticia : Mapeamento Enem 2012

O que cai na prova de matemática do Enem

Analisamos todas as questões das 13 edições do Enem, de 1998 a 2011. Temos todas as estatísticas do exame, os assuntos mais cobrados são: geometria, cálculo simples, interpretação de gráficos, porcentagem e probabilidade. As provas do Enem 2012 serão realizadas nos dias 3 e 4 de novembro. Candidatos poderão fazer a inscrição até as 23h59 do dia 15 de junho


ImprimirImprimirEnviar a un amigo Enviar

(Crédito: Shutterstock)

(Crédito: Shutterstock)

De acordo com o professor Rodolfo Borges, do cursinho Oficina do Estudante, a melhor forma de estudar porcentagem é por meio de exercícios

 

A Universia Brasil, maior rede ibero-americana de colaboração universitária presente em 23 países, destrinchou todo a prova de matemática do Enem (Exame Nacional do Ensino Médio). Temos todas as matérias mais cobradas de 1998 a 2011. Além disso, conversamos com o professor do cursinho pré-vestibular Oficina do Estudante graduado pela Unicamp (Universidade Estadual de Campinas) Rodolfo Borges, que comentou as competências mais demandadas e ofereceu dicas de estudo para cada uma.

 

» 10 temas que podem cair na redação do Enem 2012
» Todas as notícias sobre o Enem 2012

 

"As provas de matemática do Enem demandam muita interpretação, leitura e, por isso, são cansativas. Porém, é um exame que não pede muito conteúdo, cujas questões podem facilmente ser resolvidas em até 4 minutos. Raras são aquelas em que o aluno gasta mais do que isso", disse Borges.

 

De 2009 a 2011, no entanto, viu-se um aumento da cobrança de conteúdo na prova do Enem. Ele ficou mais com a cara de vestibular, principalmente porque passou a ser a única forma de ingresso a muitas universidades no País. "O Enem tende, sim, a ser mais conteudista, porém com um limite; jamais como a Fuvest ou a Unicamp", aponta Rodolfo Borges.

 

O novo Enem – e a prova de matemática não foge disso – está em um meio termo entre as provas antigas (de 1998 a 2008) e os exames de grandes universidades brasileiras, como a USP, Unicamp ou UFRGS. "As questões de geometria, por exemplo, são, na sua maioria, triviais; fáceis de serem resolvidas, se o aluno manter a calma e for resistente suficientemente a um exame tão cansativo."

 

E qual é a melhor forma de estudar para o Enem de matemática? "Exercícios. O aluno tem que estar ‘afiado’ na lição de casa para que chegue à prova e não se assuste com a resolução do problema na hora", explica. Além disso, o professor destaca que o estudante tem que ter boa leitura, porque, mesmo na prova de matemática, essa competência é pedida.

 

Confira os assuntos mais pedidos na prova de matemática do Enem, de 1998 a 2011:

 

1- Cai na prova de matemática do Enem: Geometria
"A geometria está dividida em espacial (a que diz respeito a 3 dimensões) e a plana (que trata de apenas uma dimensão)". O que mais caiu foram exercícios pedindo área, aresta, volume de figuras como cubo, paralelepípedo, pirâmide, cilindro, triângulo, retângulo, cone, esfera, círculo. "O Enem trata da realidade do aluno, estamos rodeados de figuras como essas. É provável que seja por isso que o assunto é tão cobrado: devido à sua praticidade".

 

2- Cai na prova de matemática do Enem: Cálculo simples
Este não poderia faltar. O Enem é uma prova básica, que pede conceitos básicos e problemas, mais uma vez, práticos. Portanto, houve muitas questões que demandavam conhecimentos simples de multiplicação, potência, conversão de medidas, cálculo com IMC, megawatts, consumo médio de energia. Neste caso, a noção de lógica também é importante. Este tópico trata de tudo o que é respeito ao básico da matemática: lógica e operações simples.

 

3- Cai na prova de matemática do Enem: Interpretação
Pode parecer estranho que esta competência seja cobrada na prova de matemática e não na de português, mas, sim, você não leu errado. Até o professor Borges reforça a importância da leitura: "ela é importante porque agiliza o aluno, fazendo com que ele seja mais competitivo". A interpretação pode cair de diversas formas na prova do Enem: de gráficos, infográficos, tabelas e até textos. "São questões 'garantidas' se o aluno for resistente e não estiver nervoso", finaliza o docente.

 

4- Cai na prova de matemática do Enem: Porcentagem
De acordo com o professor, a melhor forma de estudar porcentagem é por meio de exercícios. A teoria por trás dela é simples e, mais uma vez, demonstra que o Enem privilegia questões com pouca complexidade e provenientes do cotidiano.

 

5- Cai na prova de matemática do Enem: Probabilidade
Este é outro assunto que não demanda muita teoria e deve ser amplamente estudado com exercícios. A diferença dele com os outros acima é que, dependendo da pergunta, ele pode ser mais complexo. Principalmente porque é necessário saber análise combinatória para determinar certas probabilidades, o que confere ao assunto um status de interdisciplinar dentro da matemática.

 

6- Cai na prova de matemática do Enem: Equações e problemas
"Funções, equações, problemas e relações de grandeza são conhecimentos essenciais para o Enem. Muitos problemas que parecem ser de área mínima ou máxima são problemas de função. Eles podem muito relacionar estes assuntos. Além disso, equações são básicas na matemática e problemas são cotidianos, ou seja, têm altas chances de estarem na prova de 2012", explica o professor. Rodolfo Borges também acrescenta ser importante saber montar uma equação a partir de problemas e o máximo e mínimo de uma função.

 

Finalmente, uma competência que tem despontado nos últimos exames foi estatística. "Embora ela não caia muito nos vestibulares, ela é importante para o Enem", aponta o professor da UNICAMP. Média, moda e mediana foram assuntos que chamaram atenção na última edição da prova, porque raramente constavam em vestibulares.

 

Inscrições para o Enem 2012 estão abertas; veja como se inscrever


As inscrições para o Enem 2012 estão abertas e poderão ser feitas até as 23h59 do dia 15 de junho no site do Enem. O valor da taxa de inscrição será de R$ 35. O candidato deve fornecer o número do CPF (Cadastro de Pessoa Física) e o seu número do documento de identidade (RG). No ato de inscrição é emitida uma guia para ser paga em uma agência do Banco do Brasil até o dia 20 de junho. O comprovante da inscrição estará disponível no site http://sistemasenem2.inep.gov.br/inscricao.


O edital do Enem indica que será obrigação do candidato conferir no sistema do Inep, órgão vinculado ao MEC responsável pela organização do Enem, se a inscrição foi concluída com sucesso. Que não for isento deverá acompanhar a confirmação do pagamento da taxa. O candidato deverá guardar número da inscrição e a senha.

 
Estudantes com necessidades especiais deverão informar no ato da inscrição sua situação. O Inep fornece provas diferenciadas, intérpretes e salas de aula e mobiliários acessíveis. Os estudantes que estão internados e recebem aulas dentro do hospital poderão realizar a prova no próprio hospital, desde que indiquem a necessidade na inscrição.

 
Tem direito a isenção do pagamento da taxa de inscrição o estudante vai concluir o ensino médio em 2012 em escola da rede pública declarada ao Censo Escolar ou a estudantes que se declaram membros de família de baixa renda ou em situação de vulnerabilidade socioeconômica. Para isso, o candidato deverá apresentar documentos que comprovem sua condição. Os documentos serão analisados pelo Inep, que poderá negar a isenção.

 
Quem for utilizar o Enem 2012 para obter a certificação de conclusão do ensino médio deverá indicar uma das instituições certificadoras que estará autorizada a receber seus dados cadastrais e resultados. Para receber a certificação, é necessário tirar nota mínima de 450 nas quatro provas e 500 na redação.
 

O Enem é pré-requisito para quem quer participar de programas de acesso ao Ensino Superior como o Fundo de Financiamento Estudantil (Fies), o Programa Universidade para Todos (ProUni) e as bolsas de estudo no exterior do Ciências sem Fronteiras.

 

Calendário Enem 2012:

 

Gostou do calendário do Enem 2012? Compartilhe no seu Facebook clicando aqui!

 

Caléndário Enem 2012

 

 






RSS   


Comentarios para esta noticia

 

Suscríbete a nuestro boletín de noticias


Publicidad

Publicidad