Aviso de cookies

Por meio de cookies próprios e de terceiros, coletamos informações para fornecer melhores serviços a todos os usuários. Compilamos informações estatísticas sobre a sua navegação para mostrar uma publicidade que tenha relevância com seus hábitos de navegação. Sempre que quiser, poderá desativar os cookies do seu browser. Se continuar navegando, consideramos que aceita os termos da política de utilização de cookies.

text.compare.title

text.compare.empty.header

Atualidade universitária

 
(Crédito:Shutterstock.com)

 

Todos os anos, milhões de jovens prestam vestibulares para realizar o sonho da educação superior. Só no ano passado, 6 milhões de pessoas se inscreveram para a prova do Enem (Exame Nacional do Ensino Médio). É com o objetivo de ajudar esses estudantes e seus professores, que educadores e profissionais da tecnologia unem-se para desenvolver plataformas de aprendizado e preparação especializadas no Enem e em cursos pré-vestibulares gratuitos.

 




» Inscrições para o Enem 2012 estão abertas; veja como se inscrever
» 10 temas que podem cair na redação do Enem 2012
» O que cai na prova de matemática do Enem
» Todas as notícias sobre o Enem 2012

 

O site Mande Bem no Enem conta com diversos recursos especializados no Enem e foi desenvolvido pelos irmãos Fernando e Maurício Giannini há cerca de dois anos, defendendo a ideia de que conhecimento deve ser distribuído de graça. "A gente precisava fazer alguma coisa para transformar a educação. Os alunos não têm mais vontade de ir para a escola. Sabemos que a estrada é longa, mas temos que começar de algum lugar, não adianta vender", explica Fernando.

 

A plataforma segue o método da transdisciplinaridade, ou seja, os usuários podem, por exemplo, aprender conceitos de matemática em aulas de química. São 42 vídeos-aula que contemplam as cinco áreas de conhecimento cobradas no Enem: natureza (ciências da natureza e suas tecnologias), números (matemática e suas tecnologias), cultura (ciências humanas e suas tecnologias), comunicação (linguagens, códigos e suas tecnologias) e letras (redação, inglês e espanhol). Cada área possui oito vídeos-aula com duração de 10 a 20 minutos.

 

Guiados pela personagem da plataforma, uma adolescente chamada Yarita, os estudantes têm à disposição materiais complementares como textos, glossário com palavras-chave, notícias, clipes musicais e trechos de programas televisivos relacionados aos conteúdos passados. A aula sobre estereótipos, por exemplo, possui um episódio do seriado Os Simpsons, em que a família vem para o Brasil.

 

Ao final de cada aula, os alunos podem completar exercícios com questões de provas dos anos anteriores e conferir seu rendimento no painel de desempenho, que informa o progresso e a média de avaliação de cada matéria e do aprendizado geral.

 

O Mande Bem no Enem disponibiliza uma ferramenta de tira-dúvidas, em que os alunos podem enviar questões e ser respondidos em até 72 horas. Ficam disponíveis também jogos, podcasts e textos informativos. Em breve, o site irá oferecer simulados, testes vocacionais e eventos ao vivo.

 

Outra plataforma que oferece curso pré-vestibular gratuito é a Envest, idealizada pelo empreendedor e professor Gian Velada . A partir do conceito de curadoria, uma equipe de professores reúne e escolhe vídeos educativos sobre as matérias que caem nos vestibulares e no Enem. O site existe desde 2010, mas foi atualizado esse ano e agora funciona na versão beta, com mais recursos como resumos, plantões ao vivo e exercícios.

 

Gian conta o diferencial do Envest. "Nossa ideia é criar uma plataforma aberta não só para os alunos, mas também para os professores." O site irá oferecer, em breve, uma infraestrutura e conteúdos ideais para o desenvolvimento das aulas. "Queremos inaugurar uma escola virtual, a partir do conceito do aprendizado colaborativo". Os educadores poderão ter salas abertas ou pagas e total liberdade para criar o ambiente, os vídeos e as questões oferecidas.

 

Atualmente, além dos vídeos-aula e dos exercícios, o Envest disponibiliza uma rede social, onde todos os estudantes podem se comunicar e enviar suas dúvidas. O site também oferece dicas de carreiras, com descrições sobre as profissões e quais universidades brasileiras oferecem os cursos. Os estudantes também podem conferir seu desempenho e acessos no painel do aluno.

 

O recurso dos plantões ao vivo é feito por professores e acontece em datas e horários programados, com recursos multimídia e muita interatividade entre os alunos e o educador por meio de um chat em tempo real. Antes das sessões, os estudantes podem enviar suas dúvidas, de acordo com a programação divulgada pelo site. O próximo plantão será em cerca de quatro semanas e irá tratar sobre redação. Uma ou duas redações enviadas serão escolhidas pelos professores para serem comentadas durante a aula.

 

Não perca essas oportunidades! O Enem irá começar em 156 dias e os próximos vestibulares não estão longe disso. Você ainda tem tempo para aprender, estudar e revisar o que aprendeu na escola . Com a ajuda de seus professores, esforço pessoal e as ferramentas online, a vaga na universidade dos seus sonhos pode estar mais perto do que nunca. E se você não for prestar vestibular, mas gostou da ideia, não deixe de aproveitar também.

 

Inscrições para o Enem 2012 estão abertas; veja como se inscrever

As inscrições para o Enem 2012 estão abertas e poderão ser feitas até as 23h59 do dia 15 de junho no site do Enem. O valor da taxa de inscrição será de R$ 35. O candidato deve fornecer o número do CPF (Cadastro de Pessoa Física) e o seu número do documento de identidade (RG). No ato de inscrição é emitida uma guia para ser paga em uma agência do Banco do Brasil até o dia 20 de junho. O comprovante da inscrição estará disponível no site http://sistemasenem2.inep.gov.br/inscricao.

 

O edital do Enem indica que será obrigação do candidato conferir no sistema do Inep, órgão vinculado ao MEC responsável pela organização do Enem, se a inscrição foi concluída com sucesso. Que não for isento deverá acompanhar a confirmação do pagamento da taxa. O candidato deverá guardar número da inscrição e a senha.

 

Estudantes com necessidades especiais deverão informar no ato da inscrição sua situação. O Inep fornece provas diferenciadas, intérpretes e salas de aula e mobiliários acessíveis. Os estudantes que estão internados e recebem aulas dentro do hospital poderão realizar a prova no próprio hospital, desde que indiquem a necessidade na inscrição.

 

Tem direito a isenção do pagamento da taxa de inscrição do Enem o estudante vai concluir o ensino médio em 2012 em escola da rede pública declarada ao Censo Escolar ou a estudantes que se declaram membros de família de baixa renda ou em situação de vulnerabilidade socioeconômica. Para isso, o candidato deverá apresentar documentos que comprovem sua condição. Os documentos serão analisados pelo Inep, que poderá negar a isenção.

 

Quem for utilizar o Enem 2012 para obter a certificação de conclusão do ensino médio deverá indicar uma das instituições certificadoras que estará autorizada a receber seus dados cadastrais e resultados. Para receber a certificação, é necessário tirar nota mínima de 450 nas quatro provas e 500 na redação.

 

O Enem é pré-requisito para quem quer participar de programas de acesso ao Ensino Superior como o Fundo de Financiamento Estudantil (Fies), o Programa Universidade para Todos (ProUni) e as bolsas de estudo no exterior do Ciências sem Fronteiras.

 

As provas do Enem 2012

 

O Enem 2012 será realizado nos dias 3 e 4 de novembro. O exame tem quatro provas objetivas, cada uma com 45 questões de múltipla escolha e uma redação. As provas vão tratar de quatro áreas de conhecimento do ensino médio. São elas:

 

1. Ciências humanas e suas tecnologias: história, geografia, filosofia e sociologia

2.Ciências da natureza e suas tecnologias: química, física e biologia

3.Linguagens, códigos e suas tecnologias e redação: língua portuguesa, literatura, língua estrangeira (inglês ou espanhol), artes, educação física e tecnologias da informação e comunicação

4.Matemática e suas tecnologias: matemática

 

As provas do Enem 2012 terão início às 13h (horário de Brasília). No dia 3 de novembro, os candidatos farão as provas de ciências humanas e suas tecnologias e de ciências da natureza e suas tecnologias, até as 17h30. Já no dia 4 serão realizadas as provas de linguagens, códigos e suas tecnologias, redação e matemática e suas tecnologias, que terminarão às 18h30.

 

Antes de iniciar as provas, o candidato deverá verificar se o seu caderno de questões contém a quantidade de questões indicadas no seu cartão-resposta ou qualquer defeito gráfico que impossibilite a resposta às questões. O estudante deverá ler e conferir todas as informações registradas no caderno de questões, no cartão-resposta, na folha de redação, na lista de presença e demais documentos do exame. Caso encontre algum erro, deverá imediatamente comunicar ao aplicador de sua sala para que ele tome as providências cabíveis no momento da aplicação da prova.

 

Para a realização das provas do Enem, o candidato deverá usar somente caneta com tinta esferográfica preta e feita com material transparente. Além disso, só poderá entregar o gabarito e deixar a sala após duas horas de prova. Para levar o caderno de questões, é necessário esperar na sala até que faltem 30 minutos para o fim da prova.

 

Segundo o edital do Enem, a capa do caderno de questões possui informações sobre a cor do mesmo e uma frase em destaque, e caberá obrigatoriamente ao candidato marcar nos cartões-resposta, a opção correspondente à cor da capa do caderno de questões; transcrever nos cartões-resposta a frase apresentada na capa de seu caderno de questões. As respostas das provas objetivas e o texto da redação do deverão ser transcritos, com caneta esferográfica de tinta preta fabricada em material transparente, nos respectivos cartões-resposta e folha de redação, que deverão ser entregues ao aplicador ao terminar o exame.

 

O Inep recomenda que os candidatos cheguem ao local de prova ao meio-dia (horário de Brasília). É obrigatória a apresentação de documento de identificação original com foto para a realização das provas. Quem não tiver o documento deverá apresentar boletim de ocorrência emitido no máximo 90 dias antes da data da prova e se submeter a uma identificação especial e preenchimento de formulário próprio.

 

Calendário Enem 2012:

 

Gostou do calendário do Enem 2012? Compartilhe no seu Facebook clicando aqui!

 

Caléndário Enem 2012

 

 



Tags:
Comentar

Comentários

    Ver mais 20 resultados

    Comente

    Ver mais