Notícias

5 tipos de textos

      
Crédito: Shutterstock.com
Crédito: Shutterstock.com

Cada tipo de texto dissertativo precisa estar de acordo com o que o escritor deseja expressar. Confira os 5 tipos de texto mais importantes e não tenha mais dúvidas na hora de escrever a sua redação.

» Como escrever o primeiro parágrafo de um texto
» 4 dicas para melhorar o seu texto
» O que o filme "Os Vingadores" pode ensinar sobre escrever

1. Redação acadêmica

A redação acadêmica é aquela cujos textos se caracterizam por descrever uma informação de forma sistemática e lógica. Ela é própria do ambiente científico e universitário. Exemplos deste tipo de composição são teses, monografias, artigos científicos etc. Os temas de que podem tratar uma redação acadêmica são tão amplos quanto a variedade das ciências existentes.

Nesse tipo de texto, é importante investigar muito bem o tema em questão. No momento de redigir, devemos levar em conta a estrutura clássica de introdução, desenvolvimento do conteúdo, conclusão e, finalmente, a bibliografia utilizada para a elaboração do trabalho.

Estilo do texto

Rigor científico, caráter uniforme, linguagem denotativa, uso da função referencial, interpretação única, precisão vocabular, objetividade. As ideias defendidas e os resultados apontados precisam se apresentar passíveis de credibilidade.

Objetivos

Esclarecimento, informação, argumentação, apresentação de um trabalho detalhado de pesquisa.

Exemplo de redação científica

"A ideia de que o universo está em expansão é de origem recente. Todas as cosmologias mais antigas eram essencialmente estacionárias, e mesmo Einstein, cuja teoria da relatividade é a base para quase todos os desenvolvimentos modernos na cosmologia, considerou ser natural sugerir um modelo estático do Universo." (trecho da tese “Propriedades dos universos em expansão”, de Stephen Hawkings)

2. Redação literária

A redação literária é aquela que tem como finalidade a expressão artística por meio da linguagem escrita. Por meio das palavras cuidadosamente escolhidas por um escritor, uma obra literária — por exemplo, um poema — pode expressar um número muito grande de sentimentos e emoções. Exemplos de textos literários são: ensaios, contos, novelas, poemas e até textos não-ficcionais, como memórias, autobiografias, entre outros.

Estilo do texto

Vocabulário voltado para a subjetividade, marcado pelo uso de figuras de linguagem, emprego das funções poética, metalinguística e emotiva; tom pessoal; apego a aspectos estéticos; multiplicidade de interpretações; elaboração artística da frase. Esse tipo de composição se destaca por dar ao escritor bastante liberdade na hora de escrever.

Objetivo

Entretenimento, reflexão, fruição artística e estética.

Exemplo de redação literária

"Momento houve em que os olhos de Capitu fitaram o defunto, quais os da viúva, sem o pranto nem palavras desta, mas grandes e abertos, como a vaga do mar lá fora, como se quisesse tragar também o nadador da manhã” (trecho do romance "Dom Casmurro", de Machado de Assis).

3. Redação jornalística

A redação jornalística é aquela utilizada nos meios de comunicação escritos. É veiculada pelos jornais, revistas, rádio, televisão e portais de notícias. Os textos jornalísticos se caracterizam fundamentalmente por relatar notícias e acontecimentos atuais, ou por manifestar uma opinião sobre tais fatos. Exemplos comuns desse tipo de texto são notícias, crônicas jornalísticas, artigos puramente informativos, artigos de opinião de colunistas, etc.

Cabe mencionar que os textos jornalísticos, atualmente, têm ganhado grande importância e difusão massiva por conta da Internet e das redes sociais.

Estilo do texto

Linguagem clara, simples, imparcial e objetiva. Frases curtas, ideias sucintas, ordem direta nas construções frasais. Linguagem denotativa ou conotativa, dependendo do gênero do texto.

Objetivos:

Informação, expressão de opinião, entretenimento.

Exemplo de redação jornalística:

“Em um ano, o desmatamento na Amazônia aumentou mais de 200%. O número foi calculado pela organização não-governamental Imazon, que monitora o desmatamento na Amazônia há mais de 20 anos. De acordo com o levantamento divulgado esta semana, em um ano foram derrubados 1.700 quilômetros quadrados de floresta nativa.” (trecho de notícia do Jornal O Globo)

4. Redação formal ou administrativa

A redação formal ou administrativa é aquela empregada nos documentos, nas notas de trabalho, nos memorandos, currículos e outros textos de uso frequente no ambiente corporativo e comercial. As redações desse tipo costumam ter um caráter de bastante formalidade. Nesses casos, o redator não pode se expressar com uma linguagem pessoal.

Outro aspecto importante é a estrutura. Cada gênero tem uma estrutura particular. Se desejamos redigir, por exemplo, um memorando, é importante conhecer a forma e a localização correta dos dados do destinatário, a maneira correta de se apresentar, a linguagem do documento, o tema abordado, etc. Exemplos de redações formais ou administrativas são: memorandos, circulares, notas de agradecimentos, notas de renúncia, convites.

Estilo do texto

Dados concretos, emprego da objetividade, vocabulário preciso, clareza e precisão no discurso, função referencial, concisão, formalidade, uniformidade, linguagem denotativa.

Objetivo

Troca de Informações no ambiente empresarial, descrição de um processo, análise de resultados parciais ou totais de um projeto, ação ou evento.

Exemplo de redação administrativa:

"Ao Senhor (nome da pessoa para a qual o documento é destinado) Chefe do Departamento de Recursos Humanos. Assunto: Relação do quadro de colaboradores. Por ocasião da visita dos diretores, solicitamos a Vossa Senhoria a relação completa do quadro de nossos colaboradores, a fim de que possamos cumprir com as determinações que nos foram repassadas" (trecho de um memorando).

5. Redação técnica

A redação técnica faz referência aos escritos próprios de uma determinada ciência ou disciplina. Os textos desse tipo de redação se caracterizam por uma linguagem e estrutura de redação exclusiva de um determinado âmbito científico.

Na maioria dos casos, é difícil que uma pessoa que não tenha o mínimo de experiência ou conhecimento da ciência ou do âmbito a que pertence o documento possa entender totalmente esse texto. Por exemplo, uma composição jurídica redigida por um juiz ou advogado estará escrita na linguagem técnica do direito. Outros exemplos de redações técnicas: informes de contas de uma empresa, relatórios, laudos e pareceres técnicos. Relatos, comentários, análises e demais informes de caráter técnico, objetivo ou científico.

Estilo do texto

Imparcialidade e exatidão, emprego da objetividade, conteúdo pautado em fatos, vocabulário preciso e impessoal, clareza no discurso, linguagem denotativa.

Objetivos

Descrição de objetos ou processos, instruções sobre a montagem e o uso de máquinas e equipamentos, exposição dos resultados de uma perícia ou auditoria.

Exemplo de redação técnica:

"Prezado Senhor Prefeito. Em cumprimento às cláusulas do contrato de prestação de serviços técnicos especializados, apresentamos o relatório de resultados da auditoria financeira, obedecidas as normas que regem o desempenho das atividades dos profissionais credenciados aos serviços de auditoria" (trecho de um relatório de auditoria).

Agora que você pôde conferir com mais clareza as diferenças entre os 5 principais tipos de texto, é certo que não terá mais dúvidas na hora de escrever a sua redação!

Gostou do nosso artigo? Compartilhe com seus amigos em suas redes sociais!

 



Tags:

Aviso de cookies: Nós usamos cookies próprios e de terceiros para melhorar os nossos serviços , para análise estatística e para mostrar publicidade. Se você continuar a navegar considerar a aceitação de seu uso nos termos estabelecidos nos Política de Cookies.