• Quem é você?

Notícias

Como se alimentar corretamente antes das provas

      
(Crédito: Shutterstock.com)
(Crédito: Shutterstock.com)

 

Diversas pesquisas mostram que seus hábitos de alimentação possuem um papel fundamental no desempenho acadêmico e performance cerebral. Uma dieta nutritiva não irá compensar a falta de estudos e preparo para a prova, mas pode ser exatamente o que você precisa para aprimorar sua atuação nos testes.

 

» A dieta do sucesso no Enem: O que comer para melhorar seu desempenho na prova
» Pior dia para começar a dieta é terça-feira, diz pesquisa
» Dieta anti-envelhecimento: Como comer para viver mais

 

O cérebro humano necessita do fornecimento estável de glicose, esteja você acordado ou dormindo. Essa substância é uma forma de açúcar obtida dos carboidratos. Ela é responsável por alimentar todas as células do corpo, porém as do cérebro chegam a consumir o dobro.

 

Além disso, o cérebro também precisa de outros nutrientes como vitaminas, minerais e antioxidantes. Estes são responsáveis por criar as proteínas e gorduras cerebrais, ajudando na produção e transmissão de substâncias químicas, como a serotonina e dopamina, que contribuem para o humor, energia e performance cognitiva de atividades como aprendizado, memorização e lembrança de informações.

 

Não importa o horário de sua prova, manhã ou tarde, a refeição antes do teste deve conter carboidratos com muitas fibras e proteínas magras. Essa combinação irá ajudá-lo a se manter alerta e acordado para se concentrar. Entretanto, doces e pães brancos devem ser evitados, já que esse tipo de alimento pode causar alterações nos níveis sanguíneos de açúcar, dificultando o foco.

 

Os carboidratos ricos em fibra como cereais e pães integrais, legumes, batata doce e framboesas evitam esse tipo de mudança e também fornecem quantidades ótimas de antioxidantes para seu cérebro. É importante que você também consuma ômega-3, presente em salmão, sardinhas, ovos, nozes e sementes de chia.

 

Não se esqueça de beber água e manter-se hidratado durante a prova, evitando a sede e possíveis dores de cabeça causadas pela desidratação. Depois dos testes é importante descansar para não evitar a fadiga e estar pronto para o próximo dia de estudos. Boa sorte!

 

 



Tags:

Aviso de cookies: Nós usamos cookies próprios e de terceiros para melhorar os nossos serviços , para análise estatística e para mostrar publicidade. Se você continuar a navegar considerar a aceitação de seu uso nos termos estabelecidos nos Política de Cookies.