Notícias

5 formas de falar sobre você na entrevista

      
A entrevista se divide em três categorias: sua experiência, suas qualidades e seu futuro
A entrevista se divide em três categorias: sua experiência, suas qualidades e seu futuro
  • A forma em que você responde a esta pergunta determinará o sucesso da entrevista.
  • Não se preocupe muito, pois o seu entrevistador estará a seu lado e que pretendem é te contratar, pois estão ansiosos por deixar de revisar as pilhas e currículos.
  • Se você conseguir responder essa pregunta com sucesso, as suas possibilidades de conseguir a vaga de emprego multiplicam por dez. 

Existe uma frase, curta, mas que aparece em toda entrevista de emprego que realizam os recrutadores: “Conte-me sobre você”. A maioria das pessoas tem dificuldade para falar sobre a sua própria personalidade, assim como ter medo de soar muito egocêntrico ou apelativo. A pergunta pode ser até intimidante e se você não estiver preparado para responder poderá não estar à altura do diálogo.   

Como falar de si mesmo numa entrevista de trabalho?

Para responder esta pregunta é preciso considerar duas regras:

    1. Não conte a história de sua vida.
    2. Compartilhe somente a informação que for relevante.

A primeira regra é bem fácil de seguir. Quando o entrevistado não está preparado, com frequência começa a narrar a história de sua vida. O entrevistador não quer e nem precisa saber o que aconteceu com você desde a infância. Também não tem o menor interesse em saber os nomes dos suas mascotes ou o tipo de filmes que você curte.

O entrevistador quer saber sobre a segunda regra, mas para isso lançamos outra pregunta: “Qual é a informação relevante que devo compartilhar e quanto deveria falar sobre isso?”

Para ser eficiente, divida sua resposta em cinco categorias. A menos que seja necessário, trate de não dedicar mais de 30 segundos por categoria. Isto te dará uma apresentação sólida de 2 minutos e 30 segundos para começar com o pé direito. 

1. Conquistas profissionais recentes

O que não fazer:

Recitar o seu currículo.

Fazer rodeios sobre sua experiência.

Mencionar conquistas que não estão diretamente relacionadas com o cargo.

Duvidar durante a resposta diz ao entrevistador que você não está preparado e não poderá se desenvolver bem em uma situação não estruturada.

O que fazer: 

Ter claras de 3 a 5 conquistas profissionais antes da entrevista.

Mencionar as conquistas que se relacionem com a posição para que você esteja se preparando.

Praticar, praticar e praticar.

A melhor maneira de soar seguro e confiante numa entrevista laboral é diante de um espelho. Planeje suas respostas e escolha cuidadosamente os pontos chave que você quer discutir em cada categoria. Escreva uma lista das suas conquistas e pratique até que você possa improvisar sobre cada ponto naturalmente.

2. Conquistas acadêmicas

O que não fazer: 

Aprofundar muito se você for um profissional com experiência

Divagar sobre sua tese

Recitar a lista de cursos que você fez

Se você já tiver uma ampla experiência profissional não se preocupe em encurtar as suas conquistas educativas. O entrevistador não quer ouvir sobre cada matéria que você cursou na faculdade. Os empregadores querem saber mais sobre os projetos dos cursos e os conhecimentos que você obteve deles.   

O que fazer: 

Explicar como as habilidades e o conhecimento que você adquiriu podem ser utilizados para satisfazer os requerimentos do cargo.

Fale das atividades extracurriculares em que você adquiriu habilidades de liderança

Explique com mais amplitude os projetos grandes nos que você trabalhou.

Mencionar as posições de liderança dentro de suas atividades extracurriculares é uma ótima maneira de você relaxar por um instante falando dos seus hobbies e interesses pessoais. Você não deve expor abertamente os seus passatempos, mas você pode usá-lo para mencionar algumas referências da sua vida privada que possam te individualizar.

3. Habilidades que podem ser aplicadas ao cargo

O que nao fazer: 

Enumerar qualquer habilidade que você possa ter que não esteja relacionada com o cargo.

Mentir sobre suas habilidades.

Muitas pessoas costumam mentir ou exagerar sobre suas habilidades em uma entrevista. Este é um grave erro. O empregador vai descobrir que você mentiu e isso não é nada positivo.

O que fazer: 

Preparar de 2 a 4 habilidades relevantes.

Discutir ou expor só aquelas que fazem as tarefas relacionadas com o cargo.

Explicar como você adquiriu essas habilidades.

Uma boa ideia é mencionar de que maneira você obteve suas habilidades em vez de numerá-las. Isto permitirá que o entrevistador faça uma ideia de como foram utilizadas no passado.

4. Objetivos ou metas profissionais

O que não fazer: 

Expor as metas pessoais (comprar uma casa própria, ter filhos etc).

Dar a impressão de que você não tem metas profissionais.

Mencionar metas que você não será capaz de alcançar com a empresa.

Procure manter a conversa dentro dos objetivos da carreira profissional e não dos seus objetivos pessoais. Si você não tem metas claras, poderá dar a impressão de que você não é uma pessoa orientada a objetivos.

O que fazer: 

Mencionar as metas que a empresa pode te ajudar a alcançar.

Falar de metas que demonstrem que você é uma pessoa com visão de futuro.

Demostrar que você quer construir uma carreira estável.

Os recrutadores procuram candidatos que estejam interessados em uma carreira estável em longo prazo. Se os seus objetivos carecem de direção clara, dará a impressão de que você talvez não quisesse ficar por muito tempo na empresa.

5. Razões pelas que você tem interesse na empresa

O que não fazer: 

Falar só da remuneração.

Dizer que você só quer um trabalho.

Mencionar que você quer trabalhar na empresa por comodidade (proximidade geográfica).

Tenha muito cuidado com as palavras que você vai utilizar nesta parte. Se você demonstrar apenas interesse pelo salário o na conveniência do transporte, você poderá fazer pensar que você não se dedicará realmente a ajudar no sucesso da empresa.

O que fazer: 

Explicar de que maneira a empresa por de te ajudar a alcançar as suas metas.

Expressar interesse e admiração pelo ambiente laboral saudável.

Expressar que você se vê na empresa por longo prazo.

O interesse pela empresa e seu ddesenvolvimento dentro dela é a chave para que seus recrutadores se interessem por você.



Tags:

Aviso de cookies: Nós usamos cookies próprios e de terceiros para melhorar os nossos serviços , para análise estatística e para mostrar publicidade. Se você continuar a navegar considerar a aceitação de seu uso nos termos estabelecidos nos Política de Cookies.