• Quem é você?

Notícias

Estudantes ficam inseguros com confiança dos pais no vestibular, aponta pesquisa

      
Crédito: Shutterstock.com
Crédito: Shutterstock.com

 

Uma pesquisa realizada no final de setembro de 2013 pelo Sistema de Ensino Poliedro, em São Paulo, revelou que 44% dos estudantes se sentem inseguros com a confiança excessiva dos pais na aprovação no vestibular. A pesquisa, publicada com exclusividade pela Universia Brasil, foi realizada com 730 estudantes do sistema de ensino.

 

Leia também:
» 4 dicas para conversar com os seus pais sobre faculdade
» Como escolher para quais vestibulares prestar
» Universia Brasil ajuda estudantes na preparação para o vestibular

 

Ainda de acordo com a pesquisa, 69% dos participantes declararam que ainda mora com os pais. Isso faz com que o convívio seja muito grande e os pais participem ativamente da vida do estudante, que pode se sentir pressionado com a confiança depositada nos seus estudos.

 

A pesquisa analisou outros aspectos da participação dos pais na vida estudantil dos participantes. Confira abaixo os dados analisados:

 

 

Sobre as atitudes dos pais


65% dos participantes declararam que as atitudes dos pais influenciam de forma positiva em sua vida estudantil, enquanto 19% concordam que essas atitudes influenciam negativamente os seus estudos. Apenas 15% responderam que os pais não influenciam em nada na vida de vestibulando.

 

 

Sobre a dificuldade de passar em Medicina


O Sistema de Ensino Poliedro tem ótimos índices de aprovação no vestibular de Medicina, mas ainda assim esse é um dos mais complicados de passar. 52% dos estudantes responderam que os pais têm noção dessa dificuldade, enquanto 42% disse que os parentes têm pouca noção de como funciona o vestibular. Apenas 6% disse que os pais não têm noção alguma.

 

 

Sobre o apoio dos pais


Metade dos candidatos respondeu que os pais têm paciência e entendem a situação difícil pela qual os vestibulandos passam. Do restante, 12% afirmou que não são apoiados emocionalmente nos momentos difíceis do ano e 24% respondeu que os pais os poupam de atividades extras desnecessárias para que possam se dedicar aos estudos.

 

 

Sobre a cobrança dos pais


A maior parte dos estudantes afirmou não serem cobrados pelos pais, totalizando 31% do total. Enquanto isso, 14% respondeu que a cobrança dos pais faz com que eles sejam influenciados negativamente por se tratar de uma cobrança excessiva. 19% responderam que a cobrança faz com que eles se sintam motivados a estudar mais.

 

 

Sobre as expectativas dos pais em relação à faculdade que querem fazer


64% dos estudantes responderam que as expectativas dos pais em relação à faculdade coincidem com as suas próprias. Por outro lado, 17% disse sentir-se influenciados negativamente por desejarem prestar apenas faculdades públicas enquanto os pais os incentivam a prestar para instituições privadas também.

 

 

Sobre o investimento financeiro


Mais da metade dos estudantes (58%) respondeu que os pais não os pressionam no sentido financeiro, mas sabem que o gasto com os estudos é alto e ficam preocupados e ansiosos. 24% afirmaram não ser pressionados, enquanto apenas 2% disseram ser os responsáveis financeiros pelo curso.

 

 

Sobre a influência na escolha profissional


87% dos estudantes afirmaram que os pais influenciaram de maneira positiva a sua opção profissional.

 

 

Sobre a comparação com outras pessoas que foram aprovadas


59% dos participantes disse que são afetados negativamente pela comparação com outros estudantes que foram aprovados no vestibular. 34% disse que os pais não os comparam, enquanto apenas 8% concordou que a comparação faz com que eles se sintam mais motivados.

 

 



Tags:

Aviso de cookies: Nós usamos cookies próprios e de terceiros para melhorar os nossos serviços , para análise estatística e para mostrar publicidade. Se você continuar a navegar considerar a aceitação de seu uso nos termos estabelecidos nos Política de Cookies.