Notícias

Confira dicas infalíveis para ter bom desempenho no Enem

      
Fonte: Shutterstock
Fonte: Shutterstock

O Enem está logo ali, o que significa que os alunos estão ficando cada vez mais preocupados em dar conta de todos os conteúdos trabalhados no Ensino Médio. Contudo, as matérias não devem ser o único motivo para que eles fiquem atentos. Nessa fase final de preparação, eles devem começar a se preparar também com relação ao tempo.

 

Leia também:
» Enem 2014: conheça os movimentos literários que podem cair e baixe livros grátis
» Guia Redação Enem 2014: como garantir uma nota 1.000!
» Seja saudável e tire uma boa nota no Enem

 

São 90 questões para serem resolvidas num total de 5 horas, ou seja, você terá cerca de 3 minutos para cada uma delas. E o tempo não para. Para não perder tempo, o professor Pérsio Santiago, do Colégio Bandeirantes, de São Paulo, afirmou que os vestibulandos NÃO devem passar o olho na prova primeiro. “O tempo é escasso e, fazendo isso, é possível que o aluno perca o foco. Por exemplo, se ele se deparar com uma questão com a qual ele se sinta desafiado, ocorre um desequilíbrio: ele perde a concentração e, quando se dá conta, há metade da prova para responder em meia hora”. 

 

Portanto, os estudantes devem tentar resolver a prova de imediato. O docente, no entanto, afirmou que há 7 dicas que ajudarão os candidatos a administrar melhor o tempo. Confira-as:

 

Conforme você resolva as questões, identifique quais são as mais fáceis

Segundo Pérsio, não há necessidade em classificar as perguntas em fáceis, médias e difíceis. Basta apenas ser capaz de perceber quando se trata de uma questão simples. “Questão fácil é aquela que, olhando para as alternativas, você já mata a resposta, de modo que você não precisa interpretar ou pensar muito para resolvê-las”, esclarece o professor, que acrescenta: “Como ele vai gastar o tempo dele de qualquer jeito, identificando as questões fáceis, ele o recupera quando tiver que solucionar as questões difíceis”.

 

Não sabe a resposta? Passa

Outra dica para economizar o tempo já é bastante conhecida pelos estudantes: “vá respondendo à medida que você for entendendo que é possível. Mais tarde, volte para fazer aquelas que você não conseguiu”, diz o professor.

 

Além destas duas formas de lidar melhor com o tempo, o professor de História do colégio paulista ainda discorreu sobre como os alunos devem encarar os diferentes tipos de questão teste:

 

Teste com imagens

“Quando encontrar teste com caricaturas, por exemplo, examine seus dados, como o autor e a data de produção. Assim, você é capaz de contextualizar a época em que essa imagem foi feita, habilidade geralmente exigida pelo comando da questão”.

 

Teste com um excerto

“Leia primeiro o comando e depois, se necessário, volte para o texto de apoio e leia-o com cuidado”. O docente assegura que, em muitas questões, não há a necessidade de ler o texto, porque se percebe o objetivo da questão somente pelo comando. Veja um exemplo clicando aqui.

 

Teste com dois ou mais textos

Pérsio afirma que, nesse caso, é essencial que o aluno “perceba qual é a relação entre eles: são complementares ou opostos?”. Diferentemente da pergunta descrita anteriormente, ler ambos os fragmentos atentamente é requisito para a resolução da questão, já que ela geralmente pede a análise de suas mensagens. Caso você esteja preocupado com o tempo, o professor garantiu que os textos nunca serão muito longos, de modo que ler atentamente os dois seria equivalente a ler apenas um fragmento de uma questão padrão.

 

Teste direto

“Estes testes são semelhantes aos da FUVEST: algumas alternativas são absurdas, enquanto outras têm detalhes incorretos. Se ele estiver em dúvida com relação a dois itens, opte pela alternativa que se aproxima mais do conhecimento que você tem”, explica o docente.

 

Agora que você já conhece algumas dicas básicas para lidar bem com o exame que ocorrerá em novembro, não deixe de avaliar seus conhecimentos. Para isso, resolva simulados e provas anteriores e familiarize-se com os moldes da prova.

 



Tags:

Aviso de cookies: Nós usamos cookies próprios e de terceiros para melhorar os nossos serviços , para análise estatística e para mostrar publicidade. Se você continuar a navegar considerar a aceitação de seu uso nos termos estabelecidos nos Política de Cookies.