• Quem é você?

Notícias

Está estudando para o ENEM? Confira os possíveis novos temas para a redação

      
Fonte: Shutterstock
Fonte: Shutterstock

Não é à toa que os professores recomendam tanto que os estudem atualidades para o Enem. Além de o exame cobrar assuntos que estão em voga nas suas questões, o tema da redação é sempre baseado em um tópico que esteve em debate público nos últimos temos.

Leia também:
» 17 temas que podem cair na redação do Enem 2014
» Temas de atualidades que podem cair na redação do Enem 2014
» Dicas sobre a redação do Enem 2014
» Dicas de estudo Enem 2014




Se você não teve tempo de acompanhar as últimas notícias, a Universia Brasil fez uma lista com as principais pautas do momento para você ficar atento ao que pode cair na prova. Confira:


Educação online

A educação online é a mais nova tendência de ensino. Pensando nisso, universidades importantes como a USP estão investindo fortemente nesse novo método e criando seus próprios cursos via internet. O crescimento dos MOOC’s (Curso Online Aberto e Massivo, em tradução para o português) e também a disseminação de plataformas como a Coursera podem ser temas propostos para a redação.


Diplomacia internacional

A inserção do Brasil no cenário internacional pode vir a ser cobrada no Enem. Uma das grandes polêmicas de 2014 foi a declaração de Yigal Palmor, porta-voz do ministério das Relações Exteriores de Israel, que chamou o país de “anão diplomático” . Além desse episódio, procure reunir argumentos sobre a postura do Itamaraty acerca dos conflitos da Ucrânia e do Estado Islâmico e pesquise também sobre seu papel na ONU.


Analfabetos funcionais

Esse ainda é um tópico que pode ser abordado no Enem, uma vez que a demanda por mão de obra qualificada é grande e a formação educacional dos profissionais é precária. O país ainda tem 17,8% de analfabetos funcionais, segundo o IBGE, sem contar com os 13 milhões de analfabetos que representam 8,3% da população. Propor soluções para esse problema pode ser a chave para garantir nota 1000 na sua redação.


Terceira idade

De acordo com as pesquisas do IBGE, a população brasileira está envelhecendo cada vez mais rápido, ao ponto de superar o número de jovens de até 14 anos em 2030. Essa tendência pode ser abordada no Enem, já que terá impactos enormes em serviços públicos, como a previdência. Busque informações sobre a inserção dos aposentados no mercado de trabalho, bem como os idosos que colaboram para a renda familiar e o que está sendo feito para melhorar a qualidade de vida e garantir a saúde dessas pessoas.


Mulheres

Apesar de ser um tema tratado há bastante tempo pela sociedade, há uma boa chance de a questão das mulheres cair na redação do Enem, já que o exame se preocupa muito com questões sociais. A dica é procurar informações sobre os movimentos feministas, como a Marcha das Vadias e suas reinvindicações. Dentro dessa linha, a questão do aborto também pode ser considerada na argumentação.


Marco Civil da internet

A comunicação e a tecnologia são frequentemente abordadas no Enem. Em 2014, o Congresso aprovou a criação do Marco Civil da Internet, lei que regulamenta os direitos e deveres dos usuários da rede, bem como os dos provedores e o papel de controle da ANATEL (Agência Nacional de Telecomunicações) e do CGI (Comitê Geral da Internet). Embora tenha sido aprovado com sucesso, o Marco sofreu mudanças em seu texto original, o que pode ser um bom ponto de partida para sua redação. Procure estudar as reinvindicações dos movimentos sociais e dos provedores, bem como a mediação do governo para estruturar a sua redação.


Educação para todos

A acessibilidade na educação também é um tema bom para se pensar. Estude a questão das cotas em universidades, além do acesso subsidiado ao ensino superior para estudantes de baixa renda através de programas como o ProUni. O Enem também pode ser um exemplo para sua redação, já que permite até mesmo que presidiários se inscrevam para a prova.


Homossexuais

Muito além da recente polêmica levantada com as declarações homofóbicas do candidato á presidência Levy Fidélix, a questão LGTB esteve em pauta no ano de 2014. O próprio Enem passou a permitir que pessoas transexuais possam se inscrever com os nomes que se identificam, não com os que constam em seu registro de nascimento, sinal de que a prova está dando atenção a esse assunto.


Mobilidade urbana

O estopim das famosas manifestações de 2013 foi, sem dúvida, o aumento das passagens de ônibus nas grandes capitais. Com o lema "não é só por 20 centavos", milhares de pessoas foram às ruas protestar contra a má qualidade dos serviços públicos, principalmente o transporte. Pensando nisso, pesquise sobre o que foi feito desde então para melhorar a mobilidade nas cidades brasileiras, como corredores de ônibus e ciclovias para criar argumentos sobre essa questão.


Reforma política

Esse é um tópico que também foi debatido durante as “jornadas de junho” e ganhou relevância quando a proposta da presidente Dilma Rousseff foi barrada no Congresso Nacional, em 2013. Atualmente, a reforma política consta como ponto de debate no programa dos principais candidatos à presidência e foi tema de um plebiscito popular realizado em setembro de 2014. Vale a pena entender os conceitos por trás desses projetos para formar uma opinião consciente em sua redação.

 



Tags:

Aviso de cookies: Nós usamos cookies próprios e de terceiros para melhorar os nossos serviços , para análise estatística e para mostrar publicidade. Se você continuar a navegar considerar a aceitação de seu uso nos termos estabelecidos nos Política de Cookies.