Notícias

Estratégias para usar a tecnologia na escola

      
Fonte: Shutterstock
Fonte: Shutterstock

A tecnologia está cada dia mais atrelada ao universo escolar, diversificando e ampliando os alcances acadêmicos dos indivíduos. A maioria dos professores, cientes da importância que os instrumentos digitais têm para os jovens, busca as melhores estratégias de ação para implementá-la na sala de aula

 

Leia também:
» iPads em sala de aula dicas para não passar sufoco
» 5 características de professores adeptos das tecnologias
» Todas as notícias de Educação


No entanto, a utilização das tecnologias deve ser bem pensada. Alguns docentes adquirem o costume de transferir materiais didáticos comuns para o meio digital, como digitalizar os textos que devem ser lidos para as provas. A seguir, confira 3 estratégias para integrar a tecnologia no cotidiano escolar:

 

1 - Pense visualmente
Para evitar que os alunos se distraiam durante as aulas, pense em materiais que explorem as capacidades visuais, ou seja, que chamem atenção por meio das formas ou cores. Além disso, você pode optar por sites online que convertem conteúdos didáticos comuns em outros mais divertidos, como vídeos animados.

 

2 - Crie um blog
Uma boa forma de se comunicar com os alunos fora da sala de aula é criando um blog da turma. Por meio desse canal, você pode postar textos sobre o andamento dos últimos encontros, as datas importantes do ano, além de fornecer um espaço para que os estudantes escrevam o que quiserem e exercitem sua liberdade de expressão e treinem a capacidade argumentativa. Além disso, o blog facilitaria a criação de um conceito de trabalho em equipe e de produção de conteúdo baseado na colaboração. Para o docente, intensificar a importância desse tipo de linguagem educacional aumenta o interesse dos estudantes pelos estudos.

 

3 - Use as redes sociais 
Os alunos costumam ficar a maior parte do dia conectados às redes sociais, como o Facebook e Twitter. Por isso, para aproveitar o grande interesse que sentem por essas plataformas, é ideal criar redes de contado, como um grupo no Facebook, por exemplo. Dentro desse espaço, o professor pode colocar qualquer tipo de material que seja de interesse da aula. Além disso, os alunos conseguem unir os momentos de relaxamento ao estudo, intensificando o rendimento escolar. Outra vantagem é que as dúvidas em relação aos conteúdos podem ser sanadas mais facilmente, já que muitas vezes os alunos não têm um contato do professor.

 



Tags:

Aviso de cookies: Nós usamos cookies próprios e de terceiros para melhorar os nossos serviços , para análise estatística e para mostrar publicidade. Se você continuar a navegar considerar a aceitação de seu uso nos termos estabelecidos nos Política de Cookies.