• Quem é você?

Notícias

TED Talks que vão te ajudar a entender melhor o mundo dos negócios

      
TED Talks que vão te ajudar a entender melhor o mundo dos negócios
TED Talks que vão te ajudar a entender melhor o mundo dos negócios  |  Fonte: Shutterstock

TED Talks costumam reunir líderes influenciadores do universo dos negócios, que, ao compartilhar experiências pessoais ou de carreira, nos motivam a ser pessoas melhores e a ir em busca de nossos objetivos profissionais. Para entender ainda mais sobre o tema, reunimos 11 vídeos que discutem temas comuns ao dia a dia das empresas, ajudando empresários do mundo todo a tornarem-se mais inteligentes, curiosos e eficientes.

1. Dan Pink: Recompensas e punições nem sempre são eficazes no local de trabalho

Especialista em motivação, Dan Pink concentra sua palestra na diferença entre motivação intrínseca e extrínseca – fazer algo porque importa para você ou fazer algo só porque está sendo recompensado. Para ele, motivadores intrínsecos são o segredo para um bom desempenho de uma organização. E para você?

2. Jason Fried: Não é culpa sua ser tão improdutivo no trabalho

Para Jason Fried, funcionários devem ter tempo de se concentrar no seu ambiente de trabalho e empresas que propõem trabalhos remotos e extinguem as reuniões longas alcançam os melhores resultados. Se algum dia você já se sentiu desmotivado ou saiu do emprego achando que o dia não havia sido produtivo, assista esse vídeo.

3. Simon Sinek: A chave para o sucesso organizacional é um líder altruísta

Simon Sinek acredita que quando um líder valoriza a vida de seus funcionários, faz com que as eles se sintam seguros e que fazem parte das conquistas do local onde trabalham. Para ele, os elementos-chave de qualquer organização bem-sucedida são a confiança e a cooperação, só assim os colaboradores gastaram menos tempo competindo entre eles e passam a se ajudar mais.

4. Linda Hill: Líderes de organizações inovadoras facilitam o intercâmbio de ideias inspiradoras

Segundo Linda Hill, professora de gestão que estuda os fatores da inovação, a chave para inovação é ser capaz de celebrar as diferenças, ser mais inclusivo e promover debates construtivos. O líder de uma organização inovadora deve criar um espaço onde todos os funcionários se sintam à vontade para compartilhar suas ideias.

5. Itay Talgam: As equipes de negócios podem aprender muito em como as orquestras sinfônicas mantêm a harmonia

A discussão é criada por um conselheiro da orquestra sinfônica israelense que se transformou em um consultor de negócios. Itay Talgam descreve o que os líderes organizacionais podem aprender com os condutores, ou seja, não dizer aos membros da sua equipe o que fazer, mas sim criar condições que permitam que a equipe se ajude e cresça em conjunto. “O papel do líder é permitir que os funcionários brilhem”.

6. Harish Manwani: Cada negócio bem-sucedido deve ter como objetivo tornar o mundo um lugar melhor

De acordo com Harish Manwani, COO da Unilever, o lucro não é suficiente para sustentar um negócio e cada empresa precisa fazer uma diferença no mundo e na sociedade.

7. Barry Schwartz: O local de trabalho moderno pode ser desmotivador

Similar com o discurso de Dan Pink, Barry Schwartz acredita que as empresas devem aproveitar a motivação intrínseca das pessoas para gerar resultados. O modelo que valoriza a motivação extrínseca torna os funcionários mais desmotivados e com desempenho fraco.

8. Joe Gebbia: É possível construir um negócio bem-sucedido na confiança

Co-fundador e diretor-chefe de produtos da Airbnb, Joe Gebbia oferece aos ouvintes a história e a inspiração por trás da fundação da empresa.

9. Adam Grant: A procrastinação pode gerar criatividade

Olhamos para os procrastinadores como se fossem preguiçosos e menos motivados. Mas o psicólogo Adam Grant sugere o contrário – ele acredita que procrastinar pode ser uma virtude para a criatividade e, quando demoramos mais tempo para pensar sobre uma demanda, damos melhores soluções.

10. Adam Galinsky: Você pode fazer sua voz ser ouvida mesmo se você não for tão poderoso

Adam Galinsky fala sobre a “ligação dupla de baixa potência”. Para ele, se você está abaixo de alguém em uma hierarquia, pode falar e ser púnido ou não falar e viver despercebido. Com base em pesquisas, o professor da Columbia Business School apresenta várias ferramentas para resolver este problema: ele acredita que é possível expandir a influência que você tem em qualquer situação.

11. Bill Gross: Timing é tudo quando se trata do sucesso de uma startup

O empreendedor Bill Gross acredita que as startups que falharam, falharam porque não era o momento certo delas serem criadas. Após analisar 200 empresas, descobriu que os negócios bem-sucedidos foram iniciados quando havia uma real necessidade do público pelo seu serviço. Segundo ele, o timing representou 42% da diferença entre o sucesso e o fracasso.

Saiba tudo sobre empreendedorismo universitário e o universo empreendedor!


Tags:

Aviso de cookies: Nós usamos cookies próprios e de terceiros para melhorar os nossos serviços , para análise estatística e para mostrar publicidade. Se você continuar a navegar considerar a aceitação de seu uso nos termos estabelecidos nos Política de Cookies.