Notícias

COMEÇANDO UM NEGÓCIO PRÓPRIO: o que não fazer

      
COMEÇANDO UM NEGÓCIO PRÓPRIO: o que não fazer
COMEÇANDO UM NEGÓCIO PRÓPRIO: o que não fazer  |  Fonte: Shutterstock
Quer aprender a empreender? Confira mais sobre a série

A primeira fase de começar um negócio é crucial para que ele seja bem-sucedido. É nela que você pensa no que quer, e tem as primeiras ideias de como chegar lá. Nessa fase há muito o que considerar e aprender, mas existem alguns erros perigosos para quem está começando.

Confira a seguir as 10 coisas que você não pode fazer quando está começando um negócio:

1. Pensar em deixar o seu emprego antes de ter completado os planos para a sua start-up.

2. Considerar começar um negócio num ramo do qual você não é próximo e não gosta.

3. Arriscar tudo o que a sua família tem. Limite os seus riscos para um valor pré-determinado.

4. Competir com o seu empregador enquanto você ainda trabalha para ele.

5. Escolher um negócio com pressa. Lembre-se que não existe punição para oportunidades perdidas.

6. Selecionar um negócio que é muito arriscado ou trabalhoso. Escolha o meio-termo.

7. Selecionar um negócio em que você tem que ter os preços mais baixos para ser bem-sucedido.

8. Ignorar os aspectos negativos da área na qual você está pensando.

9. Permitir que a autoconfiança pese mais do que o trabalho.

10. Deixar que a promessa de uma possível recompensa não deixe você ver uma realidade de testes que virá primeiro.

Leia também:
» COMEÇANDO UM NEGÓCIO PRÓPRIO: o que fazer
» COMEÇANDO UM NEGÓCIO PRÓPRIO: descubra se você deve mesmo empreender



Tags:

Aviso de cookies: Nós usamos cookies próprios e de terceiros para melhorar os nossos serviços , para análise estatística e para mostrar publicidade. Se você continuar a navegar considerar a aceitação de seu uso nos termos estabelecidos nos Política de Cookies.