Notícias

APRENDENDO A EMPREENDER: pontos negativos de ter um parceiro de negócios

      
APRENDENDO A EMPREENDER: pontos negativos de ter um parceiro de negócios
APRENDENDO A EMPREENDER: pontos negativos de ter um parceiro de negócios  |  Fonte: Shutterstock

SEJA UM USUÁRIO UNIVERSIA E PARTICIPE DE UM CLUBE DE VANTAGENS EXCLUSIVO!

Crie seu cadastro grátis

Na maioria dos casos, um parceiro de negócios faz mais bem do que mal. Um parceiro de negócios ajuda você nos tempos difíceis, ajuda no desenvolvimento de ideias e permite que o trabalho seja mais bem dividido. Mas isso não significa que não existam alguns fatores negativos, e eles devem ser considerados antes que qualquer decisão seja tomada.

Siga a série Aprendendo a Empreender

Confira a seguir os principais pontos negativos de ter um parceiro de negócios:

1. Você vai ter que dividir os resultados se o negócio for bem-sucedido.

2. Você vai perder o controle total do seu negócio, particularmente se você e o seu parceiro tiverem dificuldades em tomar decisões.

3. O reconhecimento pelo sucesso do negócio não será apenas seu. Ele será visto como um esforço em dupla ou grupo.

4. Um parceiro mal escolhido é pior que parceiro nenhum. Se o julgamento da outra pessoa for ruim, a parceria pode resultar em desastre.

5. Você corre o risco de a outra pessoa desistir no meio do caminho. Outro cenário possível é que discordância pode levar um parceiro a precisar comprar a parte da empresa do outro.

Algumas coisas a se considerar na escolha de um parceiro é se ele vai ter hábitos de trabalho semelhantes, objetivos de vida compatíveis e habilidades de trabalho complementares. Dessa forma, você garante que o número de discordâncias será menor e que as capacidades diferentes permitiram que mais trabalho seja feito com menos dificuldade.

As capacidades diferentes são especialmente importantes já que elas são uma forma de amenizar conflitos. Por exemplo, um parceiro pode ter o direito a veto nas decisões sobre uma área em que ele é especialista para manter a estabilidade e garantir que as melhores decisões são tomadas.

Ter um parceiro pode ser uma experiência ótima se as duas partes estiverem comprometidas a fazer a aliança funcionar, e pode ser um desastre de luta de egos. Por isso, considere com cuidado quem você escolhe para trabalhar com você.



Tags:

Aviso de cookies: Nós usamos cookies próprios e de terceiros para melhorar os nossos serviços , para análise estatística e para mostrar publicidade. Se você continuar a navegar considerar a aceitação de seu uso nos termos estabelecidos nos Política de Cookies.