Notícias

Exemplo de Redações Nota 10 no Enem: #1 Procurando Nemo

      
Exemplo de Redações Nota 10 no Enem: #1 Procurando Nemo
Exemplo de Redações Nota 10 no Enem: #1 Procurando Nemo  |  Fonte: Universia Brasil

Quem diria que Procurando Nemo seria uma boa base para se utilizar em uma redação do Enem 2017? Surpreendente, não é? Porém, no exemplo a seguir, utilizar a animação mais do que ajudou o aluno a conseguir uma boa nota.

A professora e coordenadora de Redação do Curso Poliedro, Gabriela de Araújo Carvalho, comenta parágrafo a parágrafo o texto.

Tema da redação:
As redes sociais como ferramentas de ação política no Brasil do século XXI

RedaçãoCorreção comentada
Em uma das cenas finais da animação "Procurando Nemo", pescadores aprisionam um cardume de peixes em uma rede, tentando trazê-lo para a hostil superfície. Contudo, ao mesmo tempo em que os prende, a rede os une e, enquanto entoam em conjunto um grito motivacional de "continue a nadar!", os peixes conseguem rasgar a armadilha e se libertar dos pescadores. Quando, em meio à corrupção política, se tem como ferramenta a tecnologia comunicacional da atualidade, cria-se um cenário semelhante ao de "Procurando Nemo": a rede virtual, ao unir milhares de pessoas em um único lugar, fortalece o conjunto contra os problemas sociais, ao permitir o debate de assuntos como a política brasileira. Entretanto, em um espaço de grande diversidade como o Brasil, o ambiente virtual torna o indivíduo suscetível às divergências ideológicas do meio e demanda empatia e maturidade para o encaminhamento democrático das questões. O candidato busca, dentre suas referências de mundo, algo que possa ajudá-lo a criar uma analogia. O ENEM não exige que isso seja feito, porém, neste caso, o trecho do filme auxiliará o autor a se manter na mesma linha de raciocínio, o que é bom. Outro ponto positivo é a tese (parte final do parágrafo de introdução): ela problematiza a questão e propõe relações que deverão ser defendidas no corpo do texto. O processo argumentativo é composto dessas relações.
Nesse sentido, o "continue a nadar" do filme se transforma em um "continue a lutar". As redes sociais, ao permitirem que os usuários incluam discussões políticas em seu conteúdo, servem como um espaço de intenso embate ideológico, onde vencem os primeiros a digitarem ofensas e publicarem em letras maiúsculas. Tal conflito advém do individualismo crescente, que faz com que nos fechemos em nossas "bolhas virtuais" e nos desabituemos a ouvir o diferente. A sensação, então, é de perda de coesão social e, com ela, perda também do foco na luta contra os problemas políticos, pois a preocupação principal se torna a refutação do pensamento alheio e os ataques verbais. Enquanto isso, o cardume é puxado gradativamente para cima pela corrupção em andamento e, se não achar uma saída rápida, logo asfixiará na superfície.Neste parágrafo, o candidato pretende sustentar um dos trechos de sua tese, exposta na introdução: como aparecem as divergências e em que medida elas são reflexo de intolerância? Valeria, porém, uma conexão maior com o termo “democracia” que aparece antes. Sem isso, a argumentação pode ficar um pouco desconexa e a nota da Competência 3 acaba prejudicada.
Apesar disso, lentamente laços sociais são formados. No meio virtual, páginas de grupos partidários são criadas, páginas de apoio às minorias ganham força, além de espaços para organizar manifestações se tornarem frequentes. Por meio destes, os indivíduos notam o crescimento de um apoio mútuo em favor de uma causa conjunta: o combate à corrupção, o feminismo, a luta contra a desigualdade social. Em outros momentos históricos, como nas passeatas do "Diretas já!" ou pelo impeachment do presidente Collor, a sociedade demonstrou, com menos ferramentas, conseguir, aos poucos, abrir furos na rede e agir, livre, no meio físico.Aqui, outro lado será mostrado: como se formam grupos que colocam em contato pessoas das mais diferentes localidades, classes sociais ou idades, por exemplo, em favor de uma causa comum. E esse aspecto pode reforçar o fazer político. Assim como o anterior, o parágrafo está bem construído e, além disso, traz referências históricas, muito valorizadas na Competência 2.
Portanto, o papel das redes sociais parece poder ser dar força a movimentos sociais que, em outros contextos, estariam abafados. É fundamental, portanto, que o governo assuma seu papel empoderador e incentive nas escolas, com o aumento da presença de tecnologias no dia a dia dos estudantes e com a valorização salarial de professores - em especial os da rede pública - a alfabetização digital, para que possam ter voz indivíduos das mais variadas classes sociais em ambientes virtuais. Para que o cardume não se aproxime da superfície novamente, o reforço aos grupos de discussão e de organização de movimentos é essencial. Cabe aos usuários, portanto, a atenção ao respeito exigido em debates políticos, a informação e a preocupação com um futuro comum a todos.A conclusão de um texto estilo ENEM é composta de: agente, ação, detalhamento da ação e relação dessa ação com a argumentação anterior. Aqui há dois agentes (Governo e indivíduos) e suas respectivas participações na construção de uma sociedade melhor.

Confira o nosso banco de redações do Enem e seja também nota 10 



Tags:

Aviso de cookies: Nós usamos cookies próprios e de terceiros para melhorar os nossos serviços , para análise estatística e para mostrar publicidade. Se você continuar a navegar considerar a aceitação de seu uso nos termos estabelecidos nos Política de Cookies.