Notícias

Como encorajar estudantes a se preparar para aulas

      
Como encorajar estudantes a se preparar para aulas
Como encorajar estudantes a se preparar para aulas  |  Fonte: Shutterstock

Para que uma sala de aula invertida funcione, é vital que os estudantes se preparem com antecedência e cheguem na sala de aula preparados para realizar atividades dinâmicas e desafiadoras em conjunto com os seus colegas.

Mas como convencer um grupo de alunos a realmente realizar o trabalho de casa? Veja a seguir 10 formas que você pode usar para encorajar os seus estudantes:

1. REDEFINA OS PAPEIS

Da mesma forma que você está aprendendo a ensinar desse jeito, seus estudantes estão descobrindo como aprender desse jeito. Para que isso funcione, todas as partes precisam estar cientes do que está acontecendo. Logo no começo do ano letivo, faça uma atividade explicando o que é o aprendizado invertido, e permita que eles construam com você o modelo das aulas. Responda perguntas, resolva preocupações e os encoraje a confiar no processo.

2. TENTE ENTENDER A SITUAÇÃO

Quando estudantes chegam na sala de aula despreparados, é fácil presumir que eles são preguiçosos ou que estão desinteressados no curso. Mesmo que esse possa ser o caso com alguns, outros são estudantes inteligentes e motivados a ser bem-sucedidos. Algo diferente acontece a eles e os força a continuar a ir para a aula sem preparação.

Uma das respostas para essa situação é a do trabalho dos doutores Richard Felder e Rebecca Brent. Em um estudo sobre aprendizado ativo eles chegaram à conclusão de que “estudantes forçados a ter responsabilidade sobre o seu aprendizado passam por alguns ou todos os estágios do luto: Choque, negação, fortes emoções, resistência, luta, volta à confiança, e integração e sucesso”.

3. TRATE DO MEDO

O medo destrói a participação em qualquer sala de aula. Se eles estão com medo, podem até se preparar para a aula, mas dificilmente vão participar dela. Talvez seja medo de que o professor pergunte algo na frente de toda a classe e ele erre. Talvez eles tenham medo de falar em um grande grupo, ou de ser ridicularizado pelos colegas.

Se para alguns alunos estar envolvido na aula é arriscado e assustador, crie um ambiente em que é seguro compartilhar ideias e colaborar com os outros. Para isso, não basta dizer que você espera que todos participem, ou pior, tentar usar notas para intimidar seus alunos a participarem. Traga casos de sucesso, mostre com dados concretos como a participação em aula faz diferença no desempenho dos alunos e os convença de que participar é uma boa ideia.

4. CLARIFIQUE O OBJETIVO

Quando você passar a preparação para a aula, é importante que você e os seus alunos saibam qual é o objetivo da lição. Os resultados devem ser claros e mensuráveis, para que tanto o professor quanto os estudantes sejam capazes de avaliar se o objetivo foi cumprido ou não.

Se a atividade antes da aula é, por exemplo, “ler o capítulo 5”, você deve dar instruções claras sobre como essa leitura deve ser feita, e com que objetivo. Como eles devem ler isso? Trata-se de um questionário ou de uma reflexão? O que eles devem ser capazes de fazer quando terminarem o capítulo? O que eles podem trazer como evidencia física de que terminaram a atividade pré-aula? Qual é o resultado de ler o capítulo 5?

As respostas para essas perguntas devem estar conectadas com as atividades feitas durante a aula, e motivá-los a continuar fazendo as atividades na hora certa. Quando estudantes sabem que seu trabalho vai valer a pena, a probabilidade de eles se prepararem é bem maior.

5. ADICIONE PRAZOS

Dar estrutura para os seus alunos os ajuda a se planejar para as atividades fora da sala de aula e aumenta as chances de que eles se preparem. Por isso, ofereça uma estimativa de quanto tempo a atividade de preparação deve durar. Por exemplo, suponha que a atividade proposta é que os alunos assistam um vídeo, respondam cinco questões e mandem as respostas pelo site da sala. Separe cada uma das etapas e explique que o vídeo tem 15 minutos e que as perguntas devem levar aproximadamente 15 minutos para serem respondidas.

Para chegar nesse número, faça a atividade e depois dobre ou triplique o tempo que você lembrou (afinal, você já sabe as respostas, eles vão ter que aprendê-las). Outra dica é informar em que partes da atividade estão as informações mais importantes, assim eles serão capazes de prestar mais atenção nas partes certas. Lembre-se que não importa quão bom um vídeo é, nem tudo nele é igualmente importante.

6. FAÇA CONEXÕES

Se um aluno se sente sozinho quando está fazendo as atividades pré-aula, ele provavelmente não vai continuar a fazê-lo por muito tempo. É importante que ele sinta que, se encontrar um problema, vai ter alguém para ajudá-lo. Essa sensação pode ser criada com um fórum entre a sala para resolução de problemas, ou com a definição de algumas horas e datas em que você se disponibiliza a responder as dúvidas dos estudantes online ou pessoalmente.

7. IDENTIFIQUE PROBLEMAS CEDO

Às vezes, estudantes passam tempo demais nas partes erradas da atividade antes da aula, e depois ficam frustrados quando percebem que perderam tempo. A probabilidade desse estudante cometer esse erro de novo, e eventualmente chegar à conclusão de que as atividades preparatórias são inúteis é muito grande. Por isso, além de dar instruções claras, é importante que você acompanhe o desenvolvimento dos estudantes para perceber quando coisas assim acontecem.

FLIPCON Brasil

Organizado pela Universia Brasil e co-realizado pela GEN (Grupo Editorial Nacional) , a primeira edição do FLIPCON Brasil, congresso mundial sobre inovação na educação, acontecerá no dia 31 de agosto com a participação do educador norte-americano Jonathan Bergmann, pioneiro da Flipped Classroom, e da diretora-geral do GEN Educação, Andrea Ramal, e do ex-diretor de Ensino do IME e professor da instituição, Gabriel Elmor Filho.

A 1ª FLIPCON Brasil será realizada com um grande diferencial: inscrições gratuitas, em evento destinado a um público muito especial: líderes e gestores do ensino superior brasileiro. As inscrições já estão abertas!



Tags:

Aviso de cookies: Nós usamos cookies próprios e de terceiros para melhorar os nossos serviços , para análise estatística e para mostrar publicidade. Se você continuar a navegar considerar a aceitação de seu uso nos termos estabelecidos nos Política de Cookies.