Notícias

8 lições que você aprende com Sense8

      
8 lições que você aprende com Sense8
8 lições que você aprende com Sense8  |  Fonte: Reprodução

Seja um usuário Universia

Crie seu cadastro grátis

Se tem uma coisa que a série Sense8, cuja segunda temporada estreia nesta sexta-feira (5), sabe trabalhar bem são lições de vida e diversidade. Os sensates vêm de diferentes partes do mundo – tem gente da Islândia, do México, dos Estados Unidos, do Quênia – e tem as mais diversas personalidades e experiências.

Com muita naturalidade, a série aborda temas como relacionamentos inter-raciais, transexualidade e homossexualidade, além de retratar e se debruçar sobre as mais diferentes formas de viver e lidar com situações. Confira a seguir 8 lições que você aprende com Sense8:

Persistir nos seus ideais como Will



Muitas vezes na vida, alguma coisa que queremos muito vai dar errado na primeira tentativa, talvez até na segunda. Nem sempre os planos saem como imaginados e isso pode ser extremamente frustrante, porém, o importante é não desistir. Justamente como o Will.

Sempre muito focado. quando ele tem uma missão ou objetivo, não importa o quão difícil pareça ser, Will não desiste até conseguir. Em alguns momentos, o policial chega até a ser um tanto passional na forma de agir, mas tudo sempre de acordo com seus ideais.

Expressar seus sentimentos livremente como Lito

Não são raras as vezes em que somos reprimidos por expressar nossos sentimentos ou nos emocionarmos. Quem nunca foi motivo de piada por chorar no meio de um filme? Porém, demonstrar o que se está sentindo não é e nem deve ser motivo de vergonha!

Se expressar é parte do que nos faz humanos e é fundamental para nos entendermos melhor. E o Lito sabe bem disso. O ator mexicano não tem receio de mostrar quando está triste, emocionado ou com raiva, o importante é colocar tudo para fora.

Escolher a profissão que quiser, independentemente do seu gênero como Nomi

Nomi é a hacker do time, ignorando completamente os papéis tradicionalmente atribuídos a mulheres. Não importa o quanto o mundo, agentes federais ou a sociedade entre no caminho dela, no fim do dia ela está sempre sendo um hacker competente, lutando pelos mocinhos e ainda achando tempo para se divertir com a sua namorada.

Ser leal como Wolfgang

O ladrão alemão Wolfgang, envolvido com organizações criminosas e que não hesita em lutar fisicamente com quem se mete no caminho do seu grupo, é também um dos personagens mais leais da série.

Seja com o seu melhor amigo de infância Felix ou algum dos outros Sense8, sempre dá para contar que, se a coisa ficar feia, Wolfgang vai estar lá com os seus reflexos rápidos e estratégia infalível para ajudar.

Ser do seu jeito como Kala

Kala tem um jeito doce e sonhador que nem sempre é compreendido por quem está ao seu redor, mas, quer saber? Não tem problema. Ao longo da série, Kala nos ensina que precisamos nos aceitar da maneira que somos e que quem gostar de nós também nos aceitará.

Pedir ajuda quando precisar como Riley

Riley cresceu acreditando que era amaldiçoada, perdeu sua filha e seu marido no mesmo dia, e depois ainda teve que lidar com todos os problemas que vêm com ser Sense8. A vida não é fácil para ela, mas ela está sempre disposta a compartilhar os seus problemas com aqueles que ela ama.

Com a ajuda de seu pai e das outras pessoas do seu grupo, Riley consegue se tornar uma pessoa muito mais equilibrada do que quando a vemos pela primeira vez. Até que no final, é ela quem oferece ajuda.

Ser corajoso como Sun

Em alguns momentos da vida, os problemas podem parecer difíceis ou complicados demais, até mesmo assustadores. Porém, precisamos nos manter firmes para encarar cada situação, algo que a Sun sempre faz.

Ao longo da série, ela passa por duras provações e lida com elas de forma estratégica e até mesmo fria. Não apenas por seu domínio com as artes marciais, mas por manter o foco mesmo nas situações mais complicadas, Sun não desiste e enfrenta o que for preciso com coragem.

Sempre ter esperança como Capheus

Apesar de todas as adversidades, Capheus sempre mantém a esperança. Com o seu ônibus do Jean-Claude Van Damme, ele consegue o dinheiro que precisa e ainda espalha esperança por onde passa.

O personagem mostra que, mesmo na pior das situações, ainda há esperança se você souber usar os recursos que tem.



Tags:

Aviso de cookies: Nós usamos cookies próprios e de terceiros para melhorar os nossos serviços , para análise estatística e para mostrar publicidade. Se você continuar a navegar considerar a aceitação de seu uso nos termos estabelecidos nos Política de Cookies.