Notícias

Como estudar no exterior com pouco dinheiro

      
Fonte: Shutterstock
Os custos de estudar no exterior não se resumem a mensalidade da faculdade. Você também precisará arcar com custos de vida, alimentação, viagem e outros gastos que você já tem em casa. Mas mesmo se o seu orçamento estiver baixo, não se preocupe, existem algumas maneiras de economizar. A seguir estão algumas dicas para estudar no exterior com pouco dinheiro.


Leia também:
» Todas as notícias sobre bolsas de estudo
» As vantagens de estudar nos Estados Unidos


Compre passagens de avião cedo
Assim que você decidir que vai estudar fora comece a pesquisar o preço de passagens. Dependendo da distância percorrida, comprar a passagem com antecedência pode render uma boa economia. Normalmente a papelada para estudar no exterior é completada meses antes da viagem em si, então não tem desculpa para não conseguir uma pechincha.


Os melhores preços costumam ser para passagens de terça, com 7 ou 12 semanas de antecedência de quando você quer voar. Se você tem uma data de chegada flexível, tente marcar o voo para o meio da semana. Utilize sites que comparam preços como o TripAdvisor e o SkyScanner.


Compartilhe uma casa
Dividir um apartamento ou casa é uma ótima estratégia para economizar dinheiro, assim como um bom jeito de fazer novas amizades. A maioria das universidades oferece ajuda para alunos internacionais acharem acomodações, mas se esse não for o caso, use sites como o WeRoom ou o Craiglist.


Coma comida de rua
Provar a culinária local é um dos melhores jeitos de conhecer uma cultura, o problema é que dependendo do seu destino essa experiência pode ficar muito cara bem rápido. Não deixe de ir para os melhores restaurantes, mas balanceie o caro com o barato. Pergunte a outros estudantes quais são seus lugares preferidos para comer e descubra os lugares onde os locais comem. É possível comer bem e ainda conseguir economizar.


Use transporte público
Na sua cidade natal você provavelmente usa o transporte público, então estudando no exterior você deve fazer o mesmo. Aplicativos como o Google Maps e o Moovit devem ser seus melhores amigos. E não se esqueça de checar com a sua universidade se estudantes ganham algum tipo de desconto de transporte no país.


Pegue ônibus noturnos ao invés de voos
Nada mais natural do que você usar seu tempo livre para conhecer melhor o país em que você está estudando, e não é o seu orçamento que vai parar as suas viagens. É possível economizar muito trocando viagens de avião por ônibus noturnos, e essas experiências costumam ser bem mais ricas culturalmente do que viagens de avião.


Tags:

Aviso de cookies: Nós usamos cookies próprios e de terceiros para melhorar os nossos serviços , para análise estatística e para mostrar publicidade. Se você continuar a navegar considerar a aceitação de seu uso nos termos estabelecidos nos Política de Cookies.