Notícias

20 dicas para estudantes de Direito

      
Fonte: Shutterstock

Pensando em ajudá-lo a vencer esses desafios, listaremos a seguir 20 dicas para estudantes de Direito. Assim, você conseguirá um bom aproveitamento nos estudos sem ficar esgotado. Confira!

1. Tenha metas reais e objetivas

É bom criar expectativas e sonhar com um cargo privilegiado em longo prazo, mas é necessário pensar no curto prazo também. Pense em como você vai alcançar cada coisa e estabeleça metas objetivas, que você acredita que pode alcançar ao longo da sua jornada. Por isso, busque entender melhor o curso e conheça as oportunidades do mercado, a fim de ter clareza sobre onde você quer chegar e o que quer alcançar.

Muitos alunos anseiam pelo Exame de Ordem da OAB, mas não se limite a apenas isso, pois o curso de Direito permite diversas outras oportunidades. Um exemplo de meta inicial pode ser conseguir um estágio em um escritório de advocacia ou tentar um concurso público ao concluir a graduação.

2. Faça intervalos após as leituras

Depois de passar por interpretações e leituras, seu cérebro precisará de um intervalo. Embora seja tentador ir direto aos livros, passar um tempo descansando é essencial para sua saúde mental e física. Procure encaixar outras atividades mais relaxantes entre uma leitura e outra, como caminhar, meditar, fazer um lanche, tomar água, entre outras.

3. Administre o seu tempo

Não é de grande utilidade sair fazendo todas as suas tarefas desordenadamente. É importante organizar-se e estabelecer um tempo máximo para cada tarefa e trabalho a ser cumprido. Do contrário, você pode passar tempo demais em alguma matéria e esquecer das outras, sendo que nenhuma disciplina pode ser ignorada.

Dessa forma, é essencial montar um quadro de atividades que possa auxiliá-lo a administrar o tempo corretamente. Além disso, você pode adotar algumas técnicas de administração do tempo, como a técnica pomodoro. Também é importante tomar cuidado com o tempo gasto com distrações e outras coisas não relacionadas ao quadro de atividades. Tente administrar melhor esse tempo também.

4. Adote uma dieta balanceada

Fast food pode até ser uma boa alternativa quando você estiver muito ocupado estudando. Porém, se for consumido em excesso, pode ser terrível para a sua saúde. Reserve um tempo para comer o que é adequado, de fato, para você. Enquanto estiver se dedicando aos estudos, coma frutas, legumes e verduras que estimulam a sua inteligência, como a maçã, a uva e o espinafre, entre outras opções.

Também é possível, por exemplo, substituir os lanches não muito saudáveis das lanchonetes por um sanduíche natural feito em casa. E não se esqueça de ingerir água em quantidade suficiente, pois ela é fundamental para o funcionamento do corpo. Sendo assim, tente aprender mais sobre alimentação e planeje melhor a sua rotina alimentar. Isso vai impactar positivamente as suas habilidades cognitivas e, consequentemente, suas notas e resultados.

5. Priorize a organização

Muitas pessoas saem para estudar em outras cidades e esquecem de resolver algumas pendências na cidade que deixaram. Por isso, não se esqueça de se organizar antes de mudar. Pague suas contas e resolva outros assuntos, se houver. Feito isso, busque pessoas em quem você pode confiar e escolha um lugar apropriado para ficar no novo endereço.

Organize também a sua rotina de estudos antes de começar o período letivo, para que você não fique perdido entre as tarefas e não perca tempo com coisas dispensáveis. A organização é uma das melhores dicas para estudantes de Direito. Trata-se de um dos pilares para os bons resultados nos estudos.

6. Analise sua situação financeira

É importante ter um plano financeiro de como você vai se manter enquanto estiver na faculdade. Seja porque você teve que mudar de cidade, porque você está em uma instituição particular ou ambas as situações. Não deixe que a má gestão financeira o afete durante o curso. Por isso, decida qual o curso você vai fazer e como vai arcar com as despesas.

Ademais, controle seus gastos para evitar imprevistos. Evite comprar livros e materiais em demasia. É possível conseguir ótimos materiais em bibliotecas, isso gera uma economia considerável. Tenha cuidado com o uso de cartões de crédito, e, se possível, utilize planilhas e aplicativos para ajudá-lo no planejamento financeiro.

7. Fique atento à procrastinação

É difícil encontrar um aluno que nunca tenha passado por momentos de procrastinação. Às vezes sabemos que temos algo para fazer, mas perdemos tempo com futilidades e adiamos as tarefas importantes. Você pode, sim, passar um tempo nas redes sociais conversando com familiares e amigos, mas é necessário estipular limites e saber se isso está sendo um hábito saudável. Se você estiver exagerando, saiba reconhecer que está gastando tempo demais e, simplesmente, volte aos estudos.

8. Vença a procrastinação

Falando em procrastinação, tente estabelecer, por exemplo, 45 minutos para reforçar um conteúdo, evitando fazer qualquer outra coisa além de estudar. Desse modo, mesmo que você não faça nada de útil nos primeiros instantes, uma hora ou outra, você ficará entediado e começará a fazer algo produtivo. A ideia é evitar as distrações e cumprir as metas estabelecidas.

9. Tenha um animal de estimação

Libere a endorfina no seu organismo cuidando e abraçando um animal de estimação. É impressionante como o afeto gerado pelo contato com esses animais pode nos alimentar emocionalmente. 15 cachorrinhos abandonados foram adotados pela Escola de Direito da Mason University como uma alternativa para o estresse causado pela temporada de provas. Abraçá-los, de acordo com os alunos, fez com que eles se “sentissem humanos novamente”. A Escola de Direito de Yale também usa os cachorrinhos com os alunos como uma alternativa contra a ansiedade.

10. Aprenda mais sobre Direito

As técnicas e teorias que você precisa aprender ao longo do curso de Direito são diversas. Quanto mais você aprender, melhores serão suas habilidades. Por exemplo, escrever nas provas é uma boa oportunidade de você se tornar um bom argumentador. Portanto, mesmo que você tenha dificuldade sobre um determinado assunto, sua resposta pode ser bem avaliada pelo professor, caso você apresente um argumento consistente.

Você também pode assistir filmes, séries e documentários que tenham algo a ver com os temas estudados. Além de participar de palestras, simpósios e outros eventos acadêmicos. Isso vai acrescentar valor ao seu conhecimento, permitindo que você construa autoridade sobre um determinado assunto. A ciência do Direito é perpétua e sempre exige atualizações.

11. Encontre válvulas de escape

Mesmo sendo estudante de Direito, sua vida não precisa se basear apenas nas leis. Pratique um esporte, vá à academia, divirta-se e cultive um hobby. É fundamental que você tenha momentos de liberdade para não se estressar demais com tantas tarefas e papeladas. No entanto, é preciso tomar cuidado com o excesso de diversão, pois a vida profissional não se dissocia da vida pessoal. É preciso manter a mesma postura ética em todos os aspectos da vida.

12. Cuidado com o consumo de álcool e drogas

Álcool e drogas podem acarretar grandes problemas. Evite o uso de drogas e o abuso de álcool, mas busque antes se empenhar na realização das provas e na entrega dos trabalhos. Trate os estudos com seriedade e aprenda a relaxar de maneira saudável. Encare o álcool como uma maneira ocasional de descontração.

13. Utilize habilidades já adquiridas

A não ser que você queira se tornar um “sabe tudo” do Direito, saiba que nem sempre você entenderá sobre tudo o que estuda. É normal que você tenha dificuldades em algumas matérias e seja muito bom em outras. Por isso, não tenha medo de usar as técnicas que você aprendeu em outras áreas do Direito para ter êxito em algum assunto que você tem dificuldades em estudar.

Aproveitando o assunto, não se esqueça de aprender algo sobre outras áreas do conhecimento. Por exemplo, direito empresarial tem relação com o empreendedorismo. Aprender sobre áreas relacionadas aos assuntos estudados vai enriquecer seu repertório. Faça cursos complementares e aprenda novos idiomas também.

14. Divida as tarefas

Não é possível desenvolver um trabalho de boa qualidade em apenas um dia e com poucas informações. Por isso, é essencial que você saiba dividir seus afazeres, seja para você mesmo ou para o seu grupo. Isso o ajudará a manter as coisas organizadas e evitará o estresse antes da entrega de algum trabalho.

Cuidado com prazos. Não realize as tarefas apenas quando estiver perto do prazo de entrega, pois, caso algum imprevisto ocorra você pode ser prejudicado. Organize um cronograma para a realização de cada atividade, dando prioridade às tarefas importantes e não apenas às urgentes.

15. Não seja perfeccionista

Você deve sempre buscar os melhores resultados, mas existe uma diferença entre isso e o perfeccionismo. Dessa forma, saiba que na vida profissional você vai ser contratado pela sua capacidade de resolver os problemas e não porque você decorou todas as leis e emendas da Constituição.

Caso tenha dificuldade em realizar alguma tarefa, procure o professor e discuta possíveis soluções. Não seja duro demais com você mesmo, isso facilita as coisas e evita problemas sérios, como ansiedade, frustração e depressão.

16. Cuide da sua saúde

Não deixe que um resfriado comprometa seu semestre e faça com que você pegue dependências (DP) na universidade. Durma bem, alimente-se adequadamente, seja asseado e lave as mãos antes de comer. Faça exercícios físicos e também cuide da sua saúde emocional. Cultive bons hábitos, pois isso é essencial para evitar doenças e garantir vitalidade para alcançar bons resultados.

17. Foque no necessário

Não tente memorizar tudo, isso pode ser inútil. Entenda a ideia principal de certo assunto: por que ele aconteceu daquela maneira? Quais foram os movimentos políticos estão por detrás daquele fato? Não se prenda a pequenos detalhes, tente resumir os assuntos sempre que puder. Foque naquilo que realmente você precisa para obter êxito.

Você pode procurar conhecer alguns métodos de estudo para ajudá-lo nisso. Existem diversos canais, portais, revistas e livros disponíveis na internet para ajudá-lo. Aproveite o poder da internet para enriquecer as suas habilidades e o seu conhecimento — só não se esqueça de verificar se a fonte é confiável.

18. Não exagere na urgência

É recomendado, sim, que você tenha uma noção e um sentimento de urgência com as atividades da universidade. Porém, não exagere. A questão é compreender que o equilíbrio é a chave. Em algumas horas, você vai ter que correr, porque as provas podem ser marcadas para a mesma semana e o professor pode não querer mudá-las. E se você estiver relaxado demais, pode perder os exames ou chegar às avaliações sem ter estudado o suficiente.

19. Ponha tudo no lugar correto

É importante organizar seus e-mails, cadernos, livros e anotações. Ao manter as informações e os materiais organizados em lugares conhecidos, você poderá consultá-los com mais facilidade. Não se esqueça que o Direito é um curso interdisciplinar, que envolve diversos conteúdos ao longo da formação. Portanto, mantenha tudo organizado em seu devido lugar.

20. Mantenha o networking

É incrível como reencontramos pessoas ao longo da vida profissional. Portanto, é necessário manter boas relações com todo mundo, pois não se sabe o dia de amanhã. Aquela pessoa que você não simpatiza pode ser fundamental para que você conquiste um bom emprego futuramente. Boas relações também podem ajudá-lo a encontrar um estágio ainda no período de estudos.

Procure identificar oportunidades e faça contatos. Lembre-se também de ter cuidado com a linguagem falada e a escrita, pois a qualidade da comunicação possui muita relevância para a área do Direito. Assim sendo, faça networking e amizades com pessoas e grupos que agregam valor a sua vida profissional.

Se você observar e considerar todas as dicas para estudantes de Direito aqui apresentadas, suas chances de obter excelentes resultados e alcançar o sucesso profissional aumentarão bastante. Mas, para isso, é preciso que você se dedique, adotando hábitos mais adequados e produtivos em sua rotina de estudos.

Tem vontade de entrar em um curso de Direito? Entre em contato conosco para que possamos ajudá-lo a realizar os seus objetivos.



Guia de Profissões: cursos universitários aqui


Tags:

Aviso de cookies: Nós usamos cookies próprios e de terceiros para melhorar os nossos serviços , para análise estatística e para mostrar publicidade. Se você continuar a navegar considerar a aceitação de seu uso nos termos estabelecidos nos Política de Cookies.