text.compare.title

text.compare.empty.header

Notícias

Ficar sem dormir danifica o cérebro, diz estudo

      
Fonte: Shutterstock
Fonte: Shutterstock

Você costuma dormir pouco? Eis um bom motivo para abandonar esse hábito: um estudo norte-americano recentemente publicado na revista Journal of Neuroscience mostrou que ficar sem dormir pode causar danos irreversíveis às células cerebrais e até mesmo a perda de neurônios.

 

Leia também:
» Fatos importantes sobre o cérebro que estudantes devem conhecer
» Descubra 5 atitudes simples que exercitam o seu cérebro
» Entenda a química do seu cérebro e aumente sua produtividade

 

Para comprovar essa hipótese, alguns camundongos foram examinados após períodos de sono curtos, longos e normais, tal como acontece na rotina de alguém que não consegue dormir a mesma quantidade de horas todas as noites. Como resultado em longo prazo, foi observada uma queda na quantidade da proteína que controla a produção de energia das mitocôndrias (SirT3) e a perda de 25% dos neurônios responsáveis pelo controle metabólico.

 

Segundo os pesquisadores, esse fato mostra a importância do sono para a regulação das funções essenciais do organismo, como a distribuição de energia, o metabolismo e, possivelmente, outras áreas importantes do cérebro.

 

Agora, o próximo passo que os pesquisadores desejam dar é descobrir formas de proteger a SirT3 e os neurônios de pessoas que sofrem de distúrbios do sono, afinal essa seria uma terapia útil a pessoas do mundo todo.

 

Portanto, se você achava que ter uma boa noite de sono era besteira, repense: a sua saúde depende também desse hábito.


Tags:

Aviso de cookies: Nós usamos cookies próprios e de terceiros para melhorar os nossos serviços , para análise estatística e para mostrar publicidade. Se você continuar a navegar considerar a aceitação de seu uso nos termos estabelecidos nos Política de Cookies.