text.compare.title

text.compare.empty.header

Notícias

Cérebro é capaz de distinguir sílabas antes do nascimento, mostra pesquisa

      
Crédito: Shutterstock.com
Crédito: Shutterstock.com

 

De acordo com o estudo publicado narevista Proceedings, da Academia Nacional de Ciências (PNAS), o cérebro dos fetos com 28 a 32 semanas de gestação está pronto para estabelecer as funções neuronais responsáveis por decifrar a fala humana.

 

» Veja como colocar o seu cérebro em forma
» Cérebro libera substâncias químicas quando está apaixonado, aponta estudo
» Ler Cervantes é bom para o cérebro

 

A pesquisa realizada pelo Institut National de la Santé et de la Recherche Medicale (INSERT), na França, indica que as crianças recém-nascidas são capazes de distinguir algumas sílabas e reconhecer a fala humana. No entanto, ainda não está claro como esses circuitos neurais imaturos processam a linguagem.

 

Os pesquisadores realizaram um experimento no qual 12 fetos entre 28 e 32 semanas de gestação foram scaneados. O intuito era analisar se o cérebro dos prematuros pode perceber as diferenças entre as sílabas linguísticas e não-linguísticas. Assim, eles encontraram uma série de semelhanças entre o processamento linguístico dos bebês prematuros e dos adultos, incluindo reações neurológicas nas mudanças de sílabas como "ba" e "ga", e também entre voz masculina e feminina.

 

Além disso, as alterações silábicas também causaram resposta no hemisfério esquerdo do cérebro, o que sugere que determinadas áreas do cérebro mostram um sofisticado grau de organização nos três meses antes do final da gestação.

 

Para Fabrice Wallois, um dos responsáveis pela experiência, os resultados mostram que o cérebro humano é organizado durante o seu desenvolvimento para ajudar a decifrar a linguagem logo no início da vida humana.

 

 


Tags:

Aviso de cookies: Nós usamos cookies próprios e de terceiros para melhorar os nossos serviços , para análise estatística e para mostrar publicidade. Se você continuar a navegar considerar a aceitação de seu uso nos termos estabelecidos nos Política de Cookies.