Notícias

10 livros para ler antes de ver o filme

      
Fonte: Shutterstock
Fonte: Shutterstock

Livros de extremo sucesso facilmente são transformados em filmes capazes de estourar os recordes de vendas de bilheterias. Porém, alguns textos ao melhores aproveitados ser lidos antes de apreciados em uma sala de cinema. Por mais próximos das obras reais, os “blockbusters” costumam perder detalhes que somente os livros detêm. Confira os 10 melhores livros para ler antes de ver o filme:

 

Leia também:
» Saiba como ler mais livros em menos tempo
» Conheça 3 livros que todas as pessoas da geração Y devem ler
» 10 livros imprescindíveis para bons profissionais

 

 1 - Visto do Céu, de Alice Sebold

A protagonista principal do enredo, Susie Salmon, narra a história após seu assassinato. No romance escrito, as primeiras páginas contemplam detalhes relativos à morte da garota, porém o filme ignorou essa parte quase por completo. Embora esse corte facilite que um público mais jovem seja atingido, dificulta a compreensão de alguns sentimentos de Susie. O filme é uma adaptação que prende a atenção visualmente e emocionante, mas a experiência torna-se mais rica se você tiver estabelecido as relações entre os personagens e suas histórias previamente, por meio da leitura.

 

2  - A Guardiã da Minha Irmã, de Jodi Picoult
As principais diferenças das duas versões são mudanças de personalidades, das idades e, principalmente, o final de cada uma delas, no qual as personagens principais têm destinos completamente opostos. Aproveitar a leitura em um primeiro momento fará com que você entenda melhor a sequência dos fatos gravados e os motivos que levaram às transformações no enredo.

 

3 - A Culpa é das Estrelas, de John Green
O filme e o livro comportam enredos bem similares nesse caso, com mudanças pequenas, quase insignificantes. A grande diferença reside na capacidade que cada um tem de comover o público, ou seja, o impacto da obra escrita é muito maior do que a gravada. É ideal ler o livro antes para absorver algumas cenas e traços dos personagens deixados de lado, o que é comum em adaptações cinematográficas.

 

4 - O Silêncio dos Inocentes, de Thomas Harris
Em ambas as formas de expor o romance, Hannibal Lecter, o protagonista da obra, é representado como um homem misterioso e intimidador. Por esse motivo, ter a experiência prévia de criar em sua mente a figura de Lecter com base no livro é ideal para uma compreensão mais aprofundada do personagem, interpretado por Anthony Hopkins. Tanto o filme como o livro abordam o conteúdo de maneira bem parecida, sendo que apenas detalhes não fazem parte das cenas do cinema.

 

5 - Garota Exemplar, de Gillian Flynn
O enredo criado por Flynn está envolto pelo mistério e suspense, mas cada tipo de obra os utiliza de uma forma diferente. Por esse motivo, é ideal entrar em contato com a história pela primeira vez por meio do livro, para que você monte sua atmosfera própria e possa compará-la com a exibida na produção cinematográfica.

 

6 - O Senhor dos Anéis, de J.R.R Tolkien
Os produtores do filme buscaram criar muitas características novas para a obra, considerando que o original havia sido escrito há anos e possui uma linguagem que atrai o público jovem com menos força. Entretanto, ter a experiência da leitura em um primeiro plano faz com que você crie os cenários na sua mente previamente e possa compará-los com os produzidos pelos filmes da série.

 

7 - O Código Da Vinci, de Dan Brown
Vários leitores do livro afirmam que a experiência trará “spoilers” relativos ao filme. Porém, mesmo que você saiba tudo que acontecerá durante o desenvolver da trama, a maior surpresa será a forma que os produtores o levarão ao desvendamento dos mistérios.

 

8 - Jogos Vorazes, de Suzanne Collins
O leitor é capaz de se conectar mais fielmente aos personagens e de se sentir parte da história proposta por Collins. Como muitas pessoas preferem assistir o filme sabendo mais sobre a produção, é uma boa ideia ler o livro antes e aproveitar melhor à experiência de assistir o filme.

 

9 - As Crônicas de Nárnia, de C.S. Lewis
Nesse caso, o filme é muito mais acessível para diversos públicos do que o livro, produzido há muitos anos e com uma linguagem diferenciada. Mesmo que a leitura seja mais difícil, Lewis é um autor que prioriza a descrição e, consequentemente, muitos detalhes são perdidos durante as gravações.

 

10 - Harry Potter, de J.K. Rowling
Muitos fãs da série afirmam que só é possível captar a magia do mundo de Harry Potter por meio da leitura. Aquele que leem antes de assistir o filme, geralmente, consideram a obra um sonho que se tornou realidade.

 

Gostou dos livros e filmes citados? Leia todas as notícias de Cultura. Comente e compartilhe abaixo


Tags:

Aviso de cookies: Nós usamos cookies próprios e de terceiros para melhorar os nossos serviços , para análise estatística e para mostrar publicidade. Se você continuar a navegar considerar a aceitação de seu uso nos termos estabelecidos nos Política de Cookies.