text.compare.title

text.compare.empty.header

Notícias

Resumo Fuvest 2016: Memórias Póstumas de Brás Cubas, Machado de Assis - Sobre o autor

      
Foto: Universia Brasil - Gabriela Costa
Foto: Universia Brasil - Gabriela Costa

Ícone da literatura brasileira e, por esta razão, objeto de estudo de muitos pesquisadores ao redor do mundo, Machado de Assis chamou - e continua a chamar - a atenção pela sua prosa, bastante distinta se comparada às outras produções do século XIX no Brasil. Para que você entenda os temas e a maneira como é construída a obra Memórias Póstumas de Brás Cubas, a série Você não leu, mas precisa saber apresenta a seguir algumas informações importantes sobre a vida e obra deste escritor brasileiro. Confira:

Leia também:
» Baixe grátis o livro Memórias Póstumas de Brás Cubas, de Machado de Assis
» Leia o resumo completo de Memórias Póstumas de Brás Cubas, de Machado de Assis
» Mais de 2.000 livros grátis para download

 

Machado de Assis

Nascimento: 21 de junho de 1839, Rio de Janeiro, Rio de Janeiro

Faleceu: 29 de setembro de 1908, Rio de Janeiro, Rio de Janeiro


1 -
Por conta própria, expandiu sua bagagem cultural, principalmente literária


2 -
Teve longa carreira no jornalismo, trabalhando como tipógrafo aprendiz aos 16 anos e, mais tarde, escreveu para as publicações A Marmota, Correio Mercantil e Diário do Rio de Janeiro. Participou também da Revista Brasileira com animações


3 -
Nestes periódicos, entrou em contato com grandes nomes da literatura, sobretudo do Romantismo, como Casimiro de Abreu e Manuel Antônio de Almeida


4 -
Foi um dos fundadores da Academia Brasileira de Letras, além de ter sido o primeiro a assumir sua presidência


5 -
A obra de Machado de Assis pode ser dividida em duas fases:


Convencional

As produções de Machado neste período apresentam alguns tipos convencionais da prosa romântica, como o sentimentalismo, embora sem o exagero que era costume na época. No entanto, elementos que se tornariam tradicionais dos textos do escritor já aparecem, a exemplo da observação psicológica, e há a ausência de elementos do Romantismo, como o maniqueísmo.


Realista

Inaugurada pela obra “Memórias Póstumas de Brás Cubas”, este período na vida do autor é marcado por textos com humor reflexivo, economia vocabular e pessimismo. Já maduro, o autor aperfeiçoou seu estilo e, por isso, foi nessa fase que ganhou fama.

6 - Em 1880, a Revista Brasileira publicou em formato de folhetim a história que daria início ao Realismo brasileiro: “Memórias Póstumas de Brás Cubas”. Um ano depois, os 160 capítulos foram unificados num livro.

 


Tags:

Aviso de cookies: Nós usamos cookies próprios e de terceiros para melhorar os nossos serviços , para análise estatística e para mostrar publicidade. Se você continuar a navegar considerar a aceitação de seu uso nos termos estabelecidos nos Política de Cookies.