text.compare.title

text.compare.empty.header

Notícias

Baixe gratuitamente obras de Olavo Bilac

      
Baixe gratuitamente obras de Olavo Bilac
Baixe gratuitamente obras de Olavo Bilac  |  Fonte: Shutterstock

No dia 16 de dezembro de 1865, há quase 150 anos, nascia o escritor que seria conhecido como o “príncipe dos poetas brasileiros”: Olavo Bilac. Contudo, nem sempre foi claro que o ofício de escritor era a melhor carreira a seguir.

Veja também:
» Faça o download gratuito de 5 obras do poeta Álvares de Azevedo
» 40 livros para ler antes de assistir ao filme
» Mais de 2.000 livros grátis para download


Com apenas 15 anos, ingressou na Faculdade de Medicina do Rio de Janeiro para o orgulho de seu pai, que atuara como médico durante a Guerra do Paraguai. Embora não tivesse a idade adequada, o jovem Bilac conseguiu a autorização para estudar, algo que não o agradou muito. Ainda assim, não desistiu do curso até chegar ao quarto ano. Em São Paulo, também começou a cursar Direito, mas desta faculdade desistiu ainda no primeiro ano. Foi apenas na redação da Gazeta Acadêmica que se encontrou enquanto profissional.

Sua estreia como poeta, por sua vez, se deu na Gazeta de Notícias com a publicação, em 1884, do soneto “Sesta de Nero”. Porém, a consagração como um dos grandes escritores brasileiros deu-se quatro anos mais tarde, com o lançamento de “Poesias”. Deste momento em diante, notou-se nas suas ricas rimas e em seus versos alexandrinos – isto é, verso de doze sílabas poéticas, muito presente nas obras do movimento literário do qual Bilac fez parte – um lirismo influenciado pela tradição lusitana e pelo parnasianismo francês.

Não se pode esquecer também que suas obras também apresentavam tons épicos, como é o caso de “O caçador de esmeraldas”, por causa do seu apreço aos poemas deste gênero presentes na Antiguidade Clássica, além do erotismo visível na obra “Sarça de Fogo”.

Por ser conhecido, sobretudo, por integrar a chamada Tríade Parnasiana ao lado de Alberto Oliveira e Raimundo Correia, é comum pensar que Olavo Bilac tenha se dedicado apenas à literatura.

Republicano e nacionalista, o escritor participou de muitos movimentos cívicos durante o século XIX, a exemplo da defesa do serviço militar obrigatório – uma maneira, para ele, de pôr fim ao analfabetismo. No entanto, um dos fatos mais importantes da sua mobilização política diz respeito à oposição ao presidente militar Floriano Peixoto, razão pela qual foi inclusive perseguido. Além disso, deve-se lembrar também que ele foi o autor do Hino da Bandeira, que data 1889.

Conheça agora um pouco mais sobre o lado poeta deste jornalista, contista e cronista baixando gratuitamente suas obras. Boa leitura!

1. Alma Inquieta

2. As Viagens

3. Contos para Velhos

4. O Caçador de Esmeraldas

5. Panóplias

6. Profissão de Fé

7. Sarças de Fogo

8. Tarde

9. Via-Láctea

10. Hino à Bandeira Nacional






Tags:

Aviso de cookies: Nós usamos cookies próprios e de terceiros para melhorar os nossos serviços , para análise estatística e para mostrar publicidade. Se você continuar a navegar considerar a aceitação de seu uso nos termos estabelecidos nos Política de Cookies.