text.compare.title

text.compare.empty.header

Notícias

Exposição Alice no País das Maravilhas: você sabe a resposta para o Enigma do Chapeleiro?

      
Fonte: Divulgação

O livro Alice no país das Maravilhas de Lewis Carroll é um dos favoritos de quem gosta de desenvolver teorias sobre livros. Talvez a maior provocadora de teorias seja a pergunta feita pelo Chapeleiro Maluco: “Por que um corvo se parece com uma escrivaninha?”. Ela é feita para Alice na festa do chá, a menina responde que não sabe e o Chapeleiro diz a mesma coisa. No livro, a pergunta fica por isso mesmo, mas na vida real a pergunta ficou no ar. Nas palavras de Carroll: "o enigma não tem resposta, a não ser que tenha. Mas não tem, entretanto talvez tenha”.

Leia também:
» A magia de Alice no País das Maravilhas em exposição interativa

Mas Carroll não foi, nem de longe, o único a pensar no enigma depois de fechar o livro. A seguir está a lista das melhores respostas para o Enigma do Chapeleiro. Afinal, por que um corvo se parece com uma escrivaninha?

1. A teoria de Lewis Carroll

Quando começaram a surgir os questionamentos sobre o enigma, o autor Lewis Carroll deu a mesma resposta que o Chapeleiro Maluco. Ele disse que não sabia, portanto, o enigma não teria resposta. Mas depois de muito pressionado ele respondeu o que hoje aparece no prefacio de várias edições da obra:

“Tantas vezes me foi perguntado se é possível imaginar alguma resposta para o Enigma do Chapeleiro que posso também registrar aqui o que me parece uma resposta claramente apropriada, qual seja: “porque pode produzir algumas notas, embora sejam muito chatas; e nunca é posto de trás para a frente!” Isso, contudo, é uma mera reflexão posterior; o Enigma, tal como originalmente inventado, não tem resposta nenhuma.”

2. A resposta é que não existe resposta

No melhor estilo do Chapeleiro com um toque de existencialismo, essa pergunta seria estranha e inexplicável por uma razão. Ela seria uma metáfora para a vida, e na verdade não existe nem diferença nem semelhança. Ela só é, sem explicação alguma. Essa teoria conversa bem com uma outra teoria, de que toda a jornada de Alice é uma metáfora para a transição entre a infância e a vida adulta. A pergunta seria uma metáfora também: de quão inexplicável e estranho é o mundo quando se é adulto.

Outras teorias que destacam o absurdo da pergunta e dão uma resposta sem dar uma resposta são que nem o corvo nem a escrivaninha são feitos de queijo e que, na versão original em inglês,

3. Porque nenhum deles é feito de queijo

As criativas respostas que são tão enigmáticas e sem sentido quanto a pergunta são muitas, e “Porque nenhum deles é feito de queijo” é uma das mais populares. Esse tipo de resposta não necessariamente concorda com a teoria anterior de que se trata de uma metáfora para a vida, eles só presumem que a pergunta não era séria e dão uma resposta menos séria ainda.

Outra boa resposta é a teoria de Martin Gardner, publicada na edição editada do livro: “porque ambas têm a letra A e nenhuma tem a letra N” (no original em inglês “because there is a B in both and an N in neither”). Se você não entendeu, tente falar em voz alta.

4. Edgar Allan Poe

Outra teoria de Martin Gardner, essa faz a ligação entre dois autores de grandes obras. Edgar Allan Poe era um escritor, e entre suas obras estava o livro “O Corvo”, que ele escreveu numa escrivaninha. Portanto, as duas coisas teriam o autor norte-americano em comum e a resposta do enigma seria “Porque Edgar Allan Poe escreveu em ambos”.

5. Penas (de escrever e de voar)

Em 1865, quando o livro foi lançado, o uso de penas para a escrita era uma realidade bem mais comum do que hoje, então não seria uma surpresa se Lewis Carroll tivesse algumas na sua escrivaninha. Isso seria uma ligação bem factual com o pássaro. Por mais que ela esteja certa, ela pode decepcionar alguns já que sai completamente do mundo mágico e cheio de possibilidades de Alice.

Exposição interativa

A partir de 6 de outubro, São Paulo será palco de uma exposição inédita inspirada em “Alice no País das Maravilhas” em comemoração aos mais de 150 anos da obra. Trata-se da primeira exposição interativa sobre a história.

O legado de Alice será celebrado em 15 ambientes no Shopping JK Iguatemi que misturam o clássico com experiências tecnológicas. A mostra evidenciará a evolução da personagem mesclando a Alice criada por Carroll e pela Disney. Saiba mais aqui.


Tags:

Aviso de cookies: Nós usamos cookies próprios e de terceiros para melhorar os nossos serviços , para análise estatística e para mostrar publicidade. Se você continuar a navegar considerar a aceitação de seu uso nos termos estabelecidos nos Política de Cookies.