text.compare.title

text.compare.empty.header

Notícias

Arte do Dia: Autorretrato com uma Orelha Enfaixada e um Cachimbo de Vincent Van Gogh

      
Arte do Dia: Auto-retrato com uma Orelha Enfaixada e um Cachimbo de Vincent Van Gogh
Arte do Dia: Auto-retrato com uma Orelha Enfaixada e um Cachimbo de Vincent Van Gogh  |  Fonte: Reprodução

Dica: Clique na imagem para uma versão maior!

nome-da-obra
FICHA TÉCNICA - AUTORRETRATO COM UMA ORELHA ENFAIXADA E UM CACHIMBO

Autor: Vincent Van Gogh
Onde ver: Pertence a um colecionador
Ano: 1889
Técnica: Óleo em tela
Movimento: Pós-impressionismo

Você provavelmente já ouviu falar do pintor Vincent Willem Van Gogh (1853-1890). Nativo de Zundert, nos Países Baixos, ele é reconhecido como um dos maiores artistas da humanidade. Entre as suas produções mais populares estão paisagens, retratos, naturezas-mortas e outros autorretratos.

Em "Autorretrato com uma Orelha Enfaixada e um Cachimbo", Van Gogh registrou a perda da sua orelha esquerda, ou melhor, a orelha que ele mesmo cortou. As teorias do porquê do ato drástico são muitas.

A versão oficial é de que Van Gogh teve um ataque de loucura na noite anterior do Natal de 1888 e mutilou a própria orelha esquerda. Sangrando muito, ele embrulhou a cabeça com um tecido e foi para um bordel próximo entrega-la a uma prostituta. Ela aceitou o presente e prontamente desmaiou. Van Gogh voltou para casa, onde foi encontrado quase morto pela polícia depois de a mulher de antes alerta-los do incidente. Quando acordou, Van Gogh perguntou pelo seu amigo Gauguin, mas ele recusou-se a vê-lo.

Mas essa história não convenceu partes da comunidade artística.

Uma das teorias mais aceitas, apresentada pelo The Art Newspaper, da Inglaterra, afirma que ele cortou a orelha porque o seu irmão Theo estava se casando e ele temia deixar de ser o centro das atenções dele. Ele era muito dependente do irmão, tanto emocionalmente quanto financeiramente. Porque ele entregaria a orelha para uma prostituta depois de corta-la é uma incógnita nessa teoria.

Dois historiadores alemães, por outro lado, defendem que na verdade a orelha decepada não foi um caso extremo de auto-mutilação, mas sim o resultado de uma briga com o seu amigo Gauguin. De acordo com eles, uma discussão envolvendo espadas teria ficado agitada demais, e Van Gogh teria mentido para proteger o amigo. Os autores dizem: "A versão oficial é baseada nos registros do próprio Van Gogh, que contêm inconsistências e dicas de que tanto o artista, quanto a verdade, são bem mais complexos do que nós imaginamos".

O pintor morreu com apenas 37 anos, devido às sequelas de uma tentativa de suicídio mal-sucedida, que no fim das contas deu certo. Depois da morte do pintor, Theo, o seu irmão, escreveu para sua esposa: "Eu não sai do lado dele até que tudo tivesse terminado".

Coloque essa arte na sua vida:

» Site do artista
» Biografia do artista


Tags:

Aviso de cookies: Nós usamos cookies próprios e de terceiros para melhorar os nossos serviços , para análise estatística e para mostrar publicidade. Se você continuar a navegar considerar a aceitação de seu uso nos termos estabelecidos nos Política de Cookies.