text.compare.title

text.compare.empty.header

Notícias

No Dia do Repórter, conheça mais sobre a carreira de Jornalismo

      

O dia de hoje, 16 de fevereiro, marca a celebração do Dia Nacional do Repórter. A data comemora a atuação do profissional da reportagem, posição de enorme importância em qualquer estrutura social.

A reportagem é uma das possibilidades dentro da grande área do Jornalismo. Um segmento que engloba cada vez mais características e atribuições de outras áreas, o Jornalismo tem como principal formação o Bacharelado em Jornalismo, um curso que se enquadra no perfil da Comunicação Social (acompanhado de graduações como Publicidade e Relações Públicas).

 

O que faz um Relações Públicas? Conheça a profissão

 

Você tem interesse na profissão e gostaria de saber mais? Seus problemas acabaram! No Dia do Repórter, conheça mais sobre a carreira de Jornalismo.

 

O curso

O Bacharelado em Jornalismo é oferecido por várias instituições de ensino superior brasileiras as públicas e privadas. A graduação tem a duração usual de quatro anos, normalmente disponível em período diurno e noturno.

O bacharel passará por disciplinas bastante abrangentes em sua grade curricular, englobando desde temas fundacionais como Sociologia, Filosofia e Teorias da Comunicação até exercícios práticos do campo profissional em áreas como televisão, rádio, impresso e jornalismo digital.

A continuidade dos estudos na forma de pós-graduação, seja como especializações ou mestrado e doutorado, é altamente recomendável. Os conhecimentos adicionais são o grande diferencial do profissional no mercado e podem destacá-lo em um segmento, aumentando suas chances de uma boa posição. Além disso, seguir no ramo acadêmico é uma boa opção para o jornalista, que pode atuar como docente em IES.

 

Os campos de atuação

A profissão tem várias facetas e atuação em um grande número de áreas. Alguns exemplos são a reportagem em redações de TV, jornais, rádios ou portais. Também são possibilidades as assessorias de comunicação e de imprensa, a editoração, o gerenciamento de social media, a criação de conteúdo para internet e o fotojornalismo, entre muitas outras.

 

Uma profissão dinâmica

Uma das maiores características da carreira em Jornalismo está na necessidade constante de atualização e formações adicionais. Com uma prática profissional que muda tanto e que acompanha rápidas tendências digitais, o jornalista deve sempre buscar melhorar suas ferramentas e habilidades para continuar relevante. Também é bastante comum a prática de mais de uma linha de trabalho simultânea.   

 

A questão da obrigatoriedade do diploma

Decisão recente do STF retirou a obrigatoriedade do diploma para o exercício do jornalismo. O tema continua em discussão e pode sofrer alterações.

No entanto, mesmo nesse cenário, a graduação continua sendo um requerimento comum para a maior parte das vagas.


Tags:

Aviso de cookies: Nós usamos cookies próprios e de terceiros para melhorar os nossos serviços , para análise estatística e para mostrar publicidade. Se você continuar a navegar considerar a aceitação de seu uso nos termos estabelecidos nos Política de Cookies.