text.compare.title

text.compare.empty.header

Notícias

USP Protesto reúne 500 na Paulista

      
Os alunos em greve da Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas (FFLCH) da USP (Universidade de São Paulo) querem paralisar todas as unidades da universidade. Dando continuidade à reivindicação para a contratação de 300 professores, os organizadores da mobilização disseram que tentarão convencer estudantes de outros cursos.

As escadarias do prédio da TV Gazeta, na av. Paulista, foram tomadas no início da noite de ontem por centenas de alunos da USP, que assistiram a aulas ao ar livre e promoveram saraus.

Segundo organizadores do protesto e a segurança do prédio, estavam presentes cerca de 500 pessoas. O diretor da FFLCH, Francis Henrik Aubert, disse que o problema da falta de professores foi iniciado em 1990, quando a faculdade contava com 442 professores. Hoje, esse número caiu para 343 docentes, mas a quantidade de alunos cresceu 20%.

Os representantes da reitoria da universidade estiveram em reunião durante o dia de ontem e não atenderam à reportagem. Durante esta semana, foi apresentada aos alunos uma proposta para a contratação de 12 professores.

Fonte:Folha de São Paulo
  • Fonte:

Tags:

Aviso de cookies: Nós usamos cookies próprios e de terceiros para melhorar os nossos serviços , para análise estatística e para mostrar publicidade. Se você continuar a navegar considerar a aceitação de seu uso nos termos estabelecidos nos Política de Cookies.