text.compare.title

text.compare.empty.header

Notícias

MEC garante ainda neste ano R$ 10 milhões para UFMS

      
A Universidade Federal de Mato Grosso do Sul (UFMS) vai receber investimentos na ordem de R$ 10 milhões ainda neste ano, em equipamentos enviados pelo Ministério da Educação. Parte dos recursos já foi investida na estruturação da Policlínica Odontológica. A obra foi inaugurada ontem, e terá capacidade para atender cerca de 4 mil pessoas por mês e oferecer melhores condições de ensino aos acadêmicos. O curso de Odontologia da UFMS em Campo Grande tem as melhores notas no Provão, por cinco vezes consecutivas recebeu conceito A, ao lado apenas do curso de Odontologia da UnB (Universidade de Brasília).

O anúncio do investimento milionário foi feito ontem pelo diretor do Departamento de Projetos Especiais de Modernização e Qualificação do Ensino Superior do MEC, Jorge Fagalli Neto, durante a solenidade de inauguração da policlínica.

Ele afirmou que todas as áreas de ensino presentes na UFMS serão contempladas. O projeto estaria em andamento há cinco anos, porém não foi colocado em prática porque esperava condições adequadas para atender a todas as 52 universidades federais do Brasil. Segundo ele, só na policlínica foram investidos R$ 1 milhão em equipamentos. O prédio, que levou dois anos para ser construído com recursos próprios da UFMS, estava parado desde o ano de 2000 à espera de recursos do projeto de qualificação.

Agora, disse entusiasmada a diretora do Núcleo de Odontologia da UFMS, Rosana Barros, o público poderá ter todos os serviços já prestados pelas três clínicas da UFMS num único espaço, ao lado do Hospital Universitário (HU). A média de público atendido pela universidade hoje é de 2 mil pessoas e com a nova policlínica, mais espaçosa e equipada, será possível dobrar o número de atendimentos.

Os pacientes passarão por triagem já que o objetivo é atender à população carente. Todo o serviço básico, consultas, extração, obturação e restauração, será gratuito, apenas as próteses, que não são cobertas pelo SUS, serão cobradas. Mesmo assim, antecipa a diretoria, o valor será muito abaixo do mercado. A policlínica vai atender a partir da próxima segunda-feira, das 7h às 17h.

Ainda está em estudo o atendimento no período noturno três vezes por semana. O agendamento das consultas pode ser feito pelo telefone 387-3311 ramal 2485. O reitor da UFMS, Manoel Peró, lembrou que o investimento também acontece nos campi do interior do Estado. O primeiro será o de Dourados.

Nessa unidade já está prevista a infra-estrutura para o curso de Odontologia, criado recentemente. E, de acordo com informações da assessoria de imprensa da instituição e do diretor do MEC, de imediato, já estão garantidos equipamentos para o curso de Jornalismo: 60 câmeras fotográficas digitais e três ilhas de edição, também com aparelhos digitais.

Fonte:Correio do Estado (MS)
  • Fonte:

Tags:

Aviso de cookies: Nós usamos cookies próprios e de terceiros para melhorar os nossos serviços , para análise estatística e para mostrar publicidade. Se você continuar a navegar considerar a aceitação de seu uso nos termos estabelecidos nos Política de Cookies.