text.compare.title

text.compare.empty.header

Notícias

Furb investe R$ 14,2 mi na ampliação da estrutura

      
A Universidade Regional de Blumenau (Furb) assinou ontem contrato de financiamento de R$ 14,2 milhões para ampliação de sua estrutura física, com a presença do governador Esperidião Amin. Os recursos são do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) e estão sendo repassados pelo Banco de Desenvolvimento do Estado de Santa Catarina (Badesc), Banco Regional de Desenvolvimento Econômico (BRDE) e Banco do Brasil. Amin liberou também recursos para obras em escolas de Blumenau. Com os recursos do BNDES liberados ontem vai permitir um ampliação de mais 34 mil metros quadrados, além dos atuais 60,5 mil metros quadrados que integram o campus 1 da Furb.

O financiamento foi viabilizado através do Programa de Modernização e Qualificação do Ensino Superior (PMQES), resultado do convênio entre o Ministério da Educação e o BNDES. Num prazo de dois anos, a partir de agosto de 2002, será ampliada a Biblioteca Central (campus 1) e serão construídos o prédio de laboratórios do campus 2 (onde fica o IPT), o Centro de Ciências da Saúde no bairro Fortaleza (campus 4), o novo centro administrativo (campus 1) e o núcleo de atividades aquáticas (campus 1). Ao todo são cerca de 37 mil metros quadrados de área construída nova.

Hoje a Furb possui uma área de 60.580 metros quadrados, o que representa uma ampliação de mais de 50% da área atual. Segundo Gerson Tontini, assessor de Planejamento, o objetivo principal do projeto é melhorar a qualidade das instalações da universidade e liberar espaços para abertura de novas vagas. "Significa mais conforto e melhores condições de ensino e aprendizagem para os alunos", avaliou. O projeto de ampliação e construção de novos prédios da Furb foi elaborado a partir do Planejamento Estratégico da Universidade e submetido ao MEC e aos agentes financeiros em maio de 2000. Foram cerca de dois anos de trabalho para liberação dos recursos.

O projeto é complementado pelo Centro de Convivência, a ser construído no campus 1 e com início das obras previsto para agosto ou setembro deste ano. A Furb é uma das primeiras universidades públicas do Brasil a obter os recursos do PNQES. O financiamento tem prazo de 10 anos para pagamento, com carência de 24 meses. A correção será feita com base na TJLP mais 4% ao ano O governador Esperidião Amin também liberou ontem R$ 81,8 mil para reformas no Conjunto Educacional Pedro 2º; R$ 414,4 mil para o Sedup Hermann Hering; R$ 652 mil para a Escola de Educação Básica Hermann Hamann, e R$ 478,4 mil para a Escola Básica Bruno Holgtenbaun.

Fonte: A Notícia
  • Fonte:

Tags:

Aviso de cookies: Nós usamos cookies próprios e de terceiros para melhorar os nossos serviços , para análise estatística e para mostrar publicidade. Se você continuar a navegar considerar a aceitação de seu uso nos termos estabelecidos nos Política de Cookies.