text.compare.title

text.compare.empty.header

Notícias

Prossegue greve no curso de Medicina de Barbalha

      
O retorno às aulas dos 80 alunos do curso de Medicina da cidade de Barbalha, a 505km de Fortaleza, depois de um mês de paralisação organizada por eles, ainda está incerto. O encontro de ontem à tarde entre uma comissão de estudantes e pais com o reitor da Universidade Federal do Ceará (UFC), Roberto Cláudio Frota, apenas adiou a decisão para a próxima sexta-feira.

Segundo Roberto Mendonça, um dos universitários que participaram da reunião, o reitor prometeu entregar, no final desta semana, um cronograma de ações para que a reforma do prédio do curso seja acelerada. A demora no andamento dos serviços, aliás, está comprometendo o andamento do período letivo e representa a principal reivindicação dos manifestantes. "O reitor já havia prometido terminar a reforma em novembro de 2001", lembrou Roberto. "Vamos nos reunir até sexta para resolver se voltamos ou não", completou.

O curso, segundo Mendonça, estava funcionando sem laboratório, auditório e estrutura suficiente para aulas práticas.

As obras no curso, que funciona na sede do antigo Colégio Santo Antonio, começaram há cerca de um ano e meio.

Fonte: Diário do Nordeste
  • Fonte:

Tags:

Aviso de cookies: Nós usamos cookies próprios e de terceiros para melhorar os nossos serviços , para análise estatística e para mostrar publicidade. Se você continuar a navegar considerar a aceitação de seu uso nos termos estabelecidos nos Política de Cookies.