text.compare.title

text.compare.empty.header

Notícias

UNIOESTE: Retorno de Liana continua indefinido

      
Mesmo tendo sido inocentada da acusação de peculato, a reitora afastada da Universidade Estadual do Oeste (Unioeste), Liana Fuga não tem como certo seu retorno ao cargo após 14 meses de afastamento. "No momento as chances são pequenas", disse a assessora de imprensa da Secretaria Estadual de Ciência Tecnologia e Ensino Superior (Seti), Mirian Del Vecchio.

Conforme um dos advogados da reitora afastada, Sérgio Zandoná, o afastamento se baseia no processo que apurou a denúncia do desvio de R$ 11.640,55. "Como ela foi inocentada não existe mais motivos para permanecer afastada", raciocina.

Esse pensamento, ao que parece, não é compartilhado na Seti. Conforme divulgou a assessoria de imprensa do órgão, se o Ministério Público recorreu da decisão do juiz da 1ª Vara Criminal de Cascavel, Paulo Damas, a pendência com a justiça ainda existe.

Esse argumento é veementemente rebatido pelo advogados de Fuga. Conforme o advogado Ives Constantino Cordeiro, que também presta serviços a reitora afastada, esse recurso não tem efeito suspensivo na decisão judicial. "Liana já está em Curitiba agilizando junto ao segundo escalão do governo o seu retorno", fala Cordeiro.

Ele entende que, ao Governo, resta apenas baixar um decreto ou então um ato reintegrando Fuga. "Caso contrário deveremos impetrar um mandado de segurança contra o governo", adianta o advogado.

Além desse procedimento, aproximadamente 32 pessoas, entre políticos, jornalistas e empresários devem ser arroladas, conforme Cordeiro, em um processo de indenização por danos morais a ser movido por Fuga. "Temos os fatos documentados", frisa. O advogado lembra ainda sobre o inquérito envolvendo desvios de recursos provenientes do Fundo de Amparo ao Trabalhador (FAT), da ordem de R$ 1 milhão, que tramita na Polícia Federal (PF), está na fase final. "Muitas novidades deverão surgir", prevê Cordeiro.

Fonte: Gazeta do Paraná - Cascavel
  • Fonte:

Tags:

Aviso de cookies: Nós usamos cookies próprios e de terceiros para melhorar os nossos serviços , para análise estatística e para mostrar publicidade. Se você continuar a navegar considerar a aceitação de seu uso nos termos estabelecidos nos Política de Cookies.