text.compare.title

text.compare.empty.header

Notícias

Reitores reclamam de falta de investimentos no setor

      
"Ainda passamos pela falta de recursos, mas as discussões que mantemos em fóruns como este ajudam a encontrar soluções. O problema que as universidades estaduais e municipais enfrentam não é administrativo, mas sim da falta de investimentos". A declaração é do presidente da Associação Brasileira de Reitores de Universidades Estaduais e Municipais (Abruem), José Walter da Fonseca, e foi dada durante o encerramento do XXXII Fórum Nacional de Reitores de Universidades Estaduais e Municipais, na Uema.

Durante três dias, 38 reitores discutiram formas de fortalecer as 42 universidades estaduais e municipais em funcionamento no país. As discussões se concentraram em dois campos: A avaliação do Ministério da Educação e Cultura (MEC) como forma de reconhecimento de cursos e instituições universitárias e as formas de firmar um novo relacionamento entre as universidades e os conselhos estaduais e municipais de educação.

Segundo o presidente da Abruem, as discussões permitirão que se encontrem soluções e que se tornem as universidades estaduais e municipais capazes de assumir um papel mais abrangente no cenário da educação brasileira.

Para a reitora da Universidade Estadual do Maranhão, Eline Oliveira, um dos posicionamentos mais importantes é a possibilidade de se firmar um pacto de solidariedade entre as universidades e os órgãos regulamentadores do ensino superior para a resolução dos problemas que envolvem as universidades. "Há uma disposição muito grande em unir forças. Este é um momento crucial e um pacto de como se pode salvar a universidade brasileira", afirmou.

Fonte: O Estado do Maranhão - São Luiz
  • Fonte:

Tags:

Aviso de cookies: Nós usamos cookies próprios e de terceiros para melhorar os nossos serviços , para análise estatística e para mostrar publicidade. Se você continuar a navegar considerar a aceitação de seu uso nos termos estabelecidos nos Política de Cookies.