text.compare.title

text.compare.empty.header

Notícias

A EAD como ferramenta de aprendizagem

      
Na seqüência do primeiro dia de palestras do 9º Congresso Internacional de Educação a Distância, promovido pela ABED (Associação Brasileira de Educação a Distância), alguns temas de fundamental importância foram abordados. Professores de diversas IES nacionais e especialistas da Europa, Canadáÿ e América Latina debateram a utilização da EAD como ferramenta de aprendizagem.

A vice-presidente do ICDE (International Council for Open and Distance Education para a América Latina e Caribe), Marta Mena; o consultor independente e ex-membro da Open University de Londres, Grevile Rumble; e o professor da Athabasca University, Terry Anderson, participaram de um painel na qual discutiram sobre as diferenças de utilização e aplicação da EAD nos diferentes continentes. Segundo Marta, a principal dificuldade dos países do cone sul para o aumento da rede educação a distância é a falta de incentivos financeiros no setor. "? necessário investir em capacitação e infra-estrutura", afirma.

De acordo com Rumble, é preciso que os países adotem novas posturas com relação ao ensino a distância. "Não podemos simplesmente melhorar o sistema existente". Anderson também incentiva a criatividade para a manutenção dos programas de EAD. "Não devemos utilizar sempre os mesmos métodos ou então os alunos se cansarão", conta.

Além da participação dos especialistas internacionais, o congresso também contou com a participação do jornalista e membro da ABL (Academia Brasileira de Letras), Arnaldo Niskier, que falou sobre a calamitosa situação da educação no país. Segundo ele, esse descaso é decorrente da falta de reconhecimento aos educadores. "Nunca os professores foram tão mal tratados", diz.

Niskier também acredita que deva ser estabelecida uma política nacional de educação a distância incentivando o uso das rádios e televisões. De acordo com o acadêmico, é inadmissível que os as pessoas precisem rastejar por alguns minutos nas redes de rádio e tevê uma vez que estas são concessões públicas. "A BBC de Londres transmite todos os sábados 6 horas de programação educacional e aqui isto não é possível para não alterar a grade das emissoras", critica.ÿ

O primeiro dia de palestras do 9º Congresso Internacional de Ensino a Distância foi encerrado com uma série de mesas-redondas com a participação dos coordenadores de pólos educacionais da ABED. O encontro internacional tem seqüência amanhã, dia 3, a partir das 9h com a palestra sobre "O que você sabe sobre hardware e software para o ensino a distância" que será ministrada por Frank Rennie da University of the Highlands
  • Fonte:

Tags:

Aviso de cookies: Nós usamos cookies próprios e de terceiros para melhorar os nossos serviços , para análise estatística e para mostrar publicidade. Se você continuar a navegar considerar a aceitação de seu uso nos termos estabelecidos nos Política de Cookies.