text.compare.title

text.compare.empty.header

Notícias

Servidores ofertam pão sem manteiga na Uesc

      
Os cerca de 300 servidores da Universidade Estadual de Santa Cruz (Uesc) encerraram, ontem, dois dias de paralisação, com um café da manhã com pão sem manteiga servido na portão de entrada da universidade. Esta foi a segunda reação irônica dos servidores, em protesto contra o projeto de lei 13.614, do Estatuto dos Cargos e Vencimentos no âmbito do Poder Executivo do Estado da Bahia, votado anteontem na Assembléia Legislativa, em regime de urgência.

O protesto também aconteceu na Universidade Estadual do Sudoeste (Uesb), e segundo a presidente do Fórum de Servidores Técnico-Administrativos das Universidades Estaduais da Bahia, Rosinei Barros, a luta continua, porque a proposta do governo não avançou, ao contrário, retira dos servidores do setor de educação benefícios conquistados em lutas anteriores.

Críticas ? O governo ignorou todas as sugestões de emenda que a categoria votou em várias reuniões do fórum de servidores. A proposta oficial não tem a participação das categorias, diz a presidente. Hoje haverá nova assembléia geral para deliberar as novas formas de protesto.

O movimento de ontem não contou com a adesão de estudantes e professores, que tiveram aulas, embora prejudicadas com o funcionamento precário dos departamentos e de outras áreas que dependem do trabalho dos servidores. Mas teve a participação dos candidatos a reitor da Uesc, cuja eleição acontece dia 28 próximo. Eles foram convidados a colocar suas propostas e comprometimento com a luta dos servidores e com uma universidade gratuita e de qualidade.

Fonte: A Tarde
  • Fonte:

Tags:

Aviso de cookies: Nós usamos cookies próprios e de terceiros para melhorar os nossos serviços , para análise estatística e para mostrar publicidade. Se você continuar a navegar considerar a aceitação de seu uso nos termos estabelecidos nos Política de Cookies.