text.compare.title

text.compare.empty.header

Notícias

Críticas para Química e Matemática

      
A falta de clareza nos enunciados da prova de Matemática e a ausência de contextualização das questões de Química foram alvo de reclamações, tanto por parte dos alunos quanto de professores.

A professora de Matemática da escola Nobel, Bea Karla Flores, 28 anos, acredita que o enunciado dificultou a resolução das questões. Havia muita informação e isso pode ter confundido os alunos que não leram as questões com atenção, comentou.

Já os professores de História do Darwin, Renato Coutinho e Marco Antônio dos Santos, elogiaram a prova. Houve uma boa distribuição dos conteúdos. O aluno que estudou conseguiu resolver tudo, disse Santos.

Na avaliação da professora de Química do pré-vestibular Universidade Para Todos, Cristina Sad, as questões poderiam ter abordado temas atuais, aplicados ao cotidiano.

Já a professora de História do curso UP, Sônia Peixoto, disse que, este ano, a prova da disciplina privilegiou a memorização e não apresentou caráter crítico.

Alheio às reclamações, o candidato Rafãl Melo de Miranda, 18 anos, deixou a sala de aula em apenas 1h30, após resolver 48 questões da prova no campus de Goiabeiras. Quero passar em Ciência da Computação, mas chutei as questões de Química, admitiu.

Fonte: A Gazeta
  • Fonte:

Tags:

Aviso de cookies: Nós usamos cookies próprios e de terceiros para melhorar os nossos serviços , para análise estatística e para mostrar publicidade. Se você continuar a navegar considerar a aceitação de seu uso nos termos estabelecidos nos Política de Cookies.